Bianca Andrade mostra acne na gravidez e desperta dúvida: por que isso acontece?

Boca Rosa está grávida de quatro meses do namorado, Fred. Recentemente, a ex-BBB mostrou para os seguidores que está enfrentando alguns problemas com as espinhas

Resumo da Notícia

  • Bianca Andrade publicou uma selfie mostrando a pele cheia de espinhas durante a gravidez
  • Boca Rosa está esperando o primeiro filho com o namorado Fred
  • Muitas gestantes enfrentam as espinhas na gravidez em decorrência das mudanças hormonais

Bianca Andrade fez muitas mães se identificarem nesta semana ao publicar uma selfie mostrando a pele cheia de espinhas durante a gravidez! Esperando o primeiro filho com o namorado Fred, a ex-BBB exibiu o rosto e o colo todo preenchido de acne  e comentou com bom-humor nas redes sociais: “A gente acha que vai ficar com a pele linda, tudo lindo… e aí eu fiquei assim”. Boca Rosa até tem razão em ficar surpresa, já que a sabedoria popular costuma elogiar a pele e o cabelo das grávidas, mas, infelizmente, isso não é regra. Muitas gestantes enfrentam sim uma mudança mais brusca na aparência. 

-Publicidade-
Bianca Andrade mostrou a pele cheia de espinhas na gravidez (Foto: Reprodução / Instagram)

Acne na gravidez é mais comum do que parece

Existe uma razão para nem todas as grávidas sentirem o aumento da acne da mesma maneira – ele depende da circulação de hormônios de cada uma. Se você foi uma daquelas adolescentes que sofreu com as espinhas durante a puberdade, atenção, a tendência a desenvolver um problema semelhante na gestação é maior

Boca Rosa está grávida de 4 meses de Fred (Foto: Reprodução/ Instagram / @bianca)

A dermatologista Luiza Vicencio, filha de Fuad e Nádima, explica que as alterações hormonais e metabólicas podem ser boas para a pele de algumas grávidas –  para outras, nem tanto. Pode piorar a acne que já existe ou mesmo desencadear espinhas que você nunca teve. “O problema tende a piorar durante o terceiro trimestre, quando as atividades das glândulas sebáceas (encontradas na pele dos mamíferos) aumentam”, diz

Para evitar as indesejadas espinhas e oleosidade excessiva, a grávida pode (e deve) tomar alguns cuidados básicos, como fazer uma limpeza da pele de forma adequada, usando sabonete neutro; não esquecer o protetor solar livre de óleos (oil free) – que também evitam as temidas manchas – e evitar, se possível, maquiagens, que podem entupir os poros da pele.

Tratamento na gravidez

Se, mesmo com todo esse cuidado, os cravos e espinhas aparecerem, consulte seu obstetra. “Indicamos um dermatologista quando os sintomas são mais importantes e a paciente se mostra incomodada”, explica a ginecologista e obstetra Rosa Maria Neme, filha de Maria Cecília e Armando. Ou seja, se você não estiver se sentindo bem por conta das espinhas, dos cravos ou dos dois, fale com o médico que está te acompanhando no pré-natal.

Segundo a dermatologista Eliana Antiqueira, mãe de João Pedro e Ana Beatriz, o tratamento da acne durante a gravidez é mais difícil, por conta das restrições.“Normalmente, recorre-se a um tratamento tópico, com cremes e géis”, diz. É importante que a grávida nunca se medique por conta própria, mesmo nos casos de simples espinhas. “Algumas medicações tópicas não são liberadas. O ideal é que elas procurem um médico para serem orientadas”, afirma a ginecologista e obstetra Carla Kikuchi, filha de Cândida e René.