Boxeador olímpico é preso por acusação de matar amante grávida

Félix Verdejo é acusado de drogar Keishla Rodríguez, amarrá-la com arame e jogá-la de ponte presa a bloco de concreto, diz jornal

Resumo da Notícia

  • Boxeador porto-riqueno, Félix Verdejo, foi preso após acusação de ter tirado a vida da amante grávida
  • O próprio atleta se entregou para as autoridades de San Juan, após acúmulo de provas contra ele
  • O corpo da vítima, Keishla Rodríguez, foi encontrado neste domingo, 2 de maio, após ela ter sido dada como desaparecida desde o dia 29 de abril

Boxeador porto-riqueno, Félix Verdejo, foi preso após acusação de ter tirado a vida da amante grávida. Segundo o New York Post, o próprio atleta se entregou para as autoridades de San Juan, após acúmulo de provas contra ele. O corpo da vítima, Keishla Rodríguez, foi encontrado neste domingo, 2 de maio, após ela ter sido dada como desaparecida desde o dia 29 de abril.

-Publicidade-

Félix, aos 27 anos, chegou a representar o Porto Rico nas Olimpíadas de Londres, na qual acabou sendo eliminados nas primeiras fases do torneio. Hoje em dia o atleta soma 29 lutas, 27 delas sendo vitórias (17 por nocaute) e 2 derrotas.

Os investigadores apontam que Verdejo teria injetado uma substância no corpo da mulher, prendido os braços e as pernas dela com arame e depois a amarrado a um bloco de concreto para que ficasse no fundo de um lago de San Juan. O boxeador e os representantes legais ainda não se pronunciaram publicamente sobre as suspeitas em torno dele.

Boxeador porto-riquenho, Félix Verdejo, é preso com acusação de matar amante grávida (Foto: Reprodução/ Instagram)

A ação de Verdejo no alto de uma ponte, antes de jogar o corpo no lago, teria sido testemunhada por uma pessoa que procurou a polícia e apontou o boxeador como responsável pelo crime. A mulher assassinada é amiga de infância do boxeador e a mãe dela disse que ela estava grávida do atleta.

A mãe da vítima disse que o boxeador não queria que a filha dela tivesse o bebê, por medo das consequências para o casamento e à própria carreira. A mãe de Keishla Rodríguez  ainda contou que sua última conversa com a filha foi pouco antes dela desaparecer. A jovem teria informado a mãe, por telefone, que Verdejo iria à casa dela para que ele visse o resultado do exame confirmando a gravidez.