Enjoos na gravidez: saiba quando começam e veja 8 dicas de ouro para mantê-los bem longe

Passar pelo primeiro trimestre da gestação sem sentir mal-estar pode ser uma tarefa difícil. Para isso, te contamos algumas coisas que você pode fazer para driblar o problema e ficar livre desse perrengue

Resumo da Notícia

  • Veja 8 dicas simples para diminuir o enjoo durante a gestação
  • Saiba por que ele acontece
  • 70% das grávidas podem sentir o mal-estar no primeiro trimestre da gravidez

A descoberta da gravidez é uma jornada incrível, mas com ela, os enjoos podem não ser tanto assim. Para fugir do problema que geralmente afeta 70% das grávidas, de acordo com o livro The Working Woman’s Pregnancy, te contamos 8 dicas de ouro para ajudar você a passar por esse perrengue sem pânico!

-Publicidade-
Os enjoos geralmente acontecem no primeiro trimestre da gestação (Foto: Shutterstock)

Os enjoos podem aparecer entre a 5ª ou 6ª semana de gestação, durando até a 12ª semana, mas não é uma regra! Em alguns poucos casos, eles chegam a persistir até a 18ª semana da gravidez, podendo durar até o 3º trimestre. As queixas ainda chegam a ser das mais diversas, desde mulheres que não sentiram nada, a enjoos leves e por curtos períodos, até vômitos frequentes. Mas vale lembrar ainda que apesar de incômodos, eles são normais!

Por que os enjoos acontecem na gravidez?

“Os enjoos acontecem por causa dos hormônios produzidos pelo bebê, conforme ele se desenvolve. Então o material embrionário leva o organismo a produzir o Beta HCG e a progesterona. Para a maioria das mulheres, os sintomas são relacionados ao aumento progressivo desses hormônios”, explica o nosso colunista, Dr. Igor Padovesi, pai de Beatriz e Guilherme, que é ginecologista e obstetra.

-Publicidade-

Os vômitos podem ser benéficos!

Segundo uma pesquisa feita pela Universidade de Chicago, os vômitos durante a gravidez podem ter uma função benéfica. Quando a mãe passa pelo mal-estar, diversas toxinas que estão na corrente sanguíneas são eliminadas, fazendo com que o sistema nervoso central do bebê tenha um melhor desenvolvimento e não seja interrompido.

Veja 7 dicas simples para aliviar o incômodo (Foto: Shutterstock)

É possível driblar o problema. Olha só essas dicas simples:

1. Gengibre!

Quando a náusea ameaçar aparecer, você pode investir em balas ou pirulitos de gengibre! O ingrediente, muito usado na medicina chinesa, tem o poder de domar o estômago. Você também pode colocar uma fatia fina em um copo d’água ou ainda em uma xícara de chá.

2. Evite a tela do computador

Apesar de parecer uma boa distração para quando os enjoos aparecerem, a tela brilhante pode deixá-la ainda mais enjoada. Uma opção é ajustar a luz, além de aumentar o tamanho das fontes e colocá-las em destaque. Conforme o uso, faça pequenas pausas para fazer outras atividades, ou apenas feche os olhos e descanse!

Beber água ao longo do dia ajuda a evitar a desidratação e prevenir os enjoos (Foto: Getty Images)

3. Hidrate-se

Mesmo parecendo uma dica óbvia, é muito importante ingerir líquidos ao longo do dia, pois a desidratação pode causar ainda mais enjoo. Como as vezes é difícil fazer com que o corpo os aceite, tente ingerir alimentos salgados para sentir sede, ou até mesmo chupar pedras de gelo em dias mais quentes. “Ela pode optar ainda por água gelada, de coco ou isotônicos”, comenta o obstetra.

4. Rastreie a causa

Já pensou que sentir enjoos sempre no mesmo horário pode ser por algum motivo específico? Para isso, você pode começar a ficar de olho se sente algum cheiro diferente naquele momento e tomar as medidas necessárias para o mantê-lo bem longe!

5. Converse sobre o assunto

É normal sentir insegurança ao querer dar um toque para aquele amigo que está com um perfume muito forte, por exemplo, ou quando você recebe um beijo logo depois de alguém ter comido algo específico e não ter escovado os dentes antes. Conversar sobre o assunto pode ser uma opção, pois você irá se sentir mais confortável em saber que aquela pessoa especial pode te ajudar a melhorar.

6. Descanse!

Mesmo parecendo uma dica simples, as vezes é uma das melhores opções. Experimente ouvir uma música relaxante, respire fundo e feche os olhos por alguns minutos. Para bloquear as luzes fortes e aprimorar ainda mais o momento, você pode usar uma máscara de dormir.

Sentir cheiros frescos pode amenizar o enjoo (Foto: Shutterstock)

7. Tente cheirar algo fresco

A gente sabe que perfumes fortes demais ou cheiros desagradáveis podem desencadear mais um episódio de náuseas. Como o estrogênio é o principal hormônio do olfato, o nariz da grávida irá ficar muito mais aguçado. Para os momentos em que você não consegue abrir uma janela para o cheiro em embora, tente levar na bolsa uma garrafa com extrato de limão, ou ainda um ramo de alecrim fresco. Quando os cheiros persistirem, inspire o aroma para se sentir melhor.

8. Fracione as refeições

“Ficar mais tempo sem se alimentar piora o enjoo. É importante que as grávidas comam em porções pequenas várias vezes ao dia. Os sintomas podem ser piores de manhã, porque pode estar relacionado ao jejum prolongado da noite. Então, a cada duas horas, duas horas e meia, é importante colocar algo no estômago, porque ficar mais tempo sem comer pode piorar os sintomas. Ter alguma coisa do lado da cama como, por exemplo, alguma bolacha ou carboidratos de absorção rápida, para comer logo ao se levantar pode ser uma opção”, explica Igor Padovesi. Para as grávidas que costumam acordar a noite para ir até o banheiro, a dica é: “Nessas levantadas comer uma bolachinha ou colocar algo no estômago pode fazer acordar melhor pela manhã”. Além disso, ele recomenda alimentos mais frios, cítricos e gelados, pois podem cair melhor neste período.

-Publicidade-