Final feliz! Mãe dá à luz a gêmeos após sofrer 10 abortos

Amanda Altoé, de 40 anos, viveu um verdadeiro milagre após engravidar tendo útero bicorno

Resumo da Notícia

  • Amanda Altoé teve dois gêmeos de 27 semanas após sofrer 10 abortos;
  • A capixaba, que mora nos Estados Unidos, já havia desistido do sonho de ser mãe;
  • A mãe possui uma condição rara e pode ser a primeira mulher a conseguir engravidar com útero bicorno;

O Natal da família Altoé recebeu o melhor dos presentes: o nascimento dos gêmeos Eric e Thiago, em uma gravidez rara, após a mãe sofrer 10 abortos. Amanda Altoé tem 40 anos, nasceu no Espírito Santo e hoje mora nos Estados Unidos. A brasileira tem útero bicorno, quando o órgão se desenvolve em um formato que dificulta a gestação.

-Publicidade-

A condição rara de Amanda chamou a atenção de pesquisadores, que a acompanharam durante toda a sua gravidez. Os meninos Eric e Thiago são univitelinos, ou seja, estavam na mesma placenta, o que torna a gravidez de Amanda ainda mais intrigante aos olhos da medicina.

A capixaba afirmou ao Folha Vitória que estava sem esperança em constituir uma família, após inúmeras tentativas frustradas. “Não queria mais engravidar e perder. Meu último aborto foi em fevereiro e eu já sabia que tinha perdido. Já tinham abortos que eu nem ia mais ao hospital, ficava em casa direto. Aprendi a lidar com aquela situação”, desabafou.

Amanda Altoé não recebeu diagnóstico médico do motivo dos inúmeros abortos
Amanda Altoé não recebeu diagnóstico médico do motivo dos inúmeros abortos (Foto: Freepik)

Para investigar o caso, a mulher foi à Universidade de Utah, estado em que mora nos Estados Unidos, especializada em investigar casos de ginecologia e obstetrícia raros. Ela fez dezenas de exames e levantou todos os diagnósticos possíveis, e ainda assim, nada foi descoberto. “A médica virou para mim e falou: ‘Seu diagnóstico final é que não temos resposta para te dar. Você é um caso sem resposta”, disse.

Após a frustração, Amanda decidiu focar em outros projetos de vida e abandonar a ideia de ser mãe. Em uma publicação no Instagram, ela mostrou o ultrassom dos gêmeos, dizendo que nenhum método foi utilizado para a gravidez. O parceiro estava com a vasectomia marcada para dezembro, e comenta que foi uma grande surpresa para a família.