Gabi Brandt é atacada por estar com “barriga horrorosa” na gravidez e faz desabafo

A influenciadora digital, que está esperando pelo segundo filho, Henri, compartilhou nas redes sociais as críticas que vem recebendo e falou sobre o assunto com os seguidores

Resumo da Notícia

  • Gabi Brandt e Saulo Poncio estão esperando pelo segundo filho
  • A influenciadora mostrou que está sendo atacada nas redes sociais
  • Atualmente, ela está no 8º mês da gestação

Na noite da última quarta-feira, 30 de dezembro, Gabi Brandt compartilhou nas redes sociais uma série de mensagens maldosas que vem recebendo durante a gestação do segundo filho, fruto do relacionamento com o cantor Saulo Poncio. Dentre elas, a influencer mostrou uma em que um seguidor diz que a barriga dela está “horrorosa”.

-Publicidade-
A influencer está no 8º mês de gestação (Foto: reprodução / Instagram @gabibrandt)

Pelos stories, ela decidiu se pronunciar sobre o assunto. “Vocês estão chocados com a direct da menina, pedindo a arroba dela desesperadamente. Essa mensagem, especificamente, foi um de um fake, mas, geralmente, eu recebo mensagens assim todos os dias, recebo várias dessas de pessoas diferentes. Metade é fake, metade é perfil normal”. Gabi e Saulo já são pais de Davi, de um ano, e estão à espera de Henri.

Em seguida, a influencer tranquilizou os seguidores por sempre receber mensagens como essa e mostrou não se importar. “Mas, só para vocês não ficarem muito impressionados, por incrível que pareça e por mais bizarro que soe isso, eu já estou acostumada”.

-Publicidade-
Ela compartilhou as críticas que vem recebendo durante a gravidez (Foto: reprodução / Instagram @gabibrandt)

No desabafo, Gabi disse que não entende o motivo de tanto ódio e falta de compaixão nas redes sociais. “O que eu não entendo é a linha de raciocínio desse pessoal que me odeia, odeia meu filho, me odeia, me acha chata e está lá assistindo todos os meus Stories e faz questão de mandar mensagem todos os dias. Acho um pouco doentio isso. Mas é aquilo que eu falo, né? Tem que tem muita estabilidade emocional para mexer com internet, porque é punk. A galera não tem piedade, compaixão. Assim, não está nem aí se a pessoa está grávida, se está no puerpério, se a pessoa tem sentimentos… dane-se. O ódio que está dentro da pessoa tem que ser externado de alguma maneira, bizarro”, concluiu.