Giovanna Ewbank fala sobre ter quarto filho: “É difícil e a melhor coisa da vida”

Em entrevista ao canal de Youtube de Matheus Mazzafera, Giovanna contou sobre a estadia da família em Portugal e também falou sobre os filhos

Resumo da Notícia

  • Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso passaram uma temporada em Portugal com os 4 filhos
  • Eles estão de volta ao Brasil
  • Giovanna falou sobre Portugal com Matheus Mazzafera
  • Ela também contou sobre a possibilidade de ter mais filhos

Os artistas Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso passaram uma temporada em Portugal com os filhos, e agora estão de volta ao Brasil. Em entrevista para o canal de Youtube do influenciador Matheus Mazzafera, a atriz contou sobre o tempo que a família passou na Europa e sobre a possibilidade de ter mais filhos.

-Publicidade-
Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso ao lado de seus filhos, Titi, Bless e Zyan
Giovanna Ewbank fala sobre a possibilidade de ter um quarto filho: “De repente a gente tem mais um” (Foto: Reprodução/Instagram @brunogagliasso e @gioewbank)

Ela falou que muita gente achou que a família deles tivesse se mudado de vez para Portugal: “Todo mundo está me perguntando isso. Acho que as pessoas acham que a gente está em Portugal direto, né… Acho que, por conta da pandemia, a gente não está se encontrando, todo mundo está: “Nossa, mas você voltou”. A gente ficou, na verdade, cinco meses em Portugal, porque o Bruno estava filmando lá. E foi na pandemia, porque as crianças estavam tendo aula online, a gente conseguiu ficar. Mas, agora a gente já está aqui e as crianças já estão na aula.”

No papo, Giovanna também falou sobre os 3 filhos: Chissomo, de 8 anos, Bless, de 7, e Zyan, de 1 ano e 9 meses. “A Chichi é a minha cópia. É uma coisa de jeito, de tudo, tudo… Ela, sou eu. O Bruno, acho que é a ansiedade e a hiperatividade do Zyan, que é o baby. É o Bruno.”

Ela também contou sobre a possibilidade de ter um quarto filho: ” Às vezes eu acho que sim e às vezes eu falo: “óbvio que não”. É difícil conciliar, e eu sou uma mãe que sou muito presente. É difícil, ao mesmo tempo que é a melhor coisa da vida, eu não sei se daria conta agora de um outro. Mas, quem sabe quando a Chichi e o Bless estiverem maiorzinhos. De repente a gente tem mais um.”