Grávida recebe alta depois de 18 dias internada com coronavírus e relata: “Só pensava na minha filha”

A professora estava relutante em procurar ajuda, com medo de que algum remédio pudesse fazer mal para a bebê que estava a caminho. Porém, depois de alguns dias de cuidados, elas puderam sair em segurança

Resumo da Notícia

  • Grávida recebe alta após 18 dias internadas com coronavírus
  • Ela saiu do hospital ao som de muita música e aplausos
  • Ela conta do medo que tinha enquanto internada e que só pensava na filha
  • Veja história completa
Grávida recebe alta depois de 18 dias internada (Foto: reprodução Globo)

Grávida de 6 meses, Amanda Maria Rufino da Silva, de 26 anos, começou a sentir os sintomas do coronavírus no dia 20 de abril. Começou com febre e logo em seguida falta de ar, os sintomas foram se intensificando e a professora precisou procurar ajuda médica.

-Publicidade-

Ela precisou ser internada e, 18 dias depois, recebeu alta. Nesta terça-feira, 12 de maio, a professora saiu de cabeça erguida do Hospital Santa Juliana, no Rio Branco. A despedida de todos os profissionais que cuidaram dela foi ao som da música Trem Bala, de Ana Vilela e, claro, muitos aplausos.

“Entrei ali sem saber o que iria acontecer comigo. Durante o isolamento, a gente só fica com Deus, não podemos ficar com mais ninguém. Então, por tudo que passei, tudo que enfrentei, aquele momento foi de muita emoção e gratidão a Deus pela segunda chance de vida que ele deu a mim e à minha filha. Ele cuidou tanto de mim, como dela”, contou ela à Rede Amazônica, filial da Globo.

-Publicidade-

Durante o período que ficou no hospital, Amanda teve muito medo e se preocupava, principalmente, com a saúde da filha que estava a caminho. “Senti muito medo, meu pensamento só era na minha bebê. Até demorei a procurar atendimento com medo de ir para o hospital e me encherem de remédio que pudesse ter algum efeito para ela. Além de muita preocupação com minha família, principalmente pensando se tinha contaminado alguém. O que vem na nossa cabeça é isso, que ninguém passe pelo que estamos passando”, compartilhou.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!

-Publicidade-