Vídeo de feto com 10 semanas supreende nas redes sociais

É o caso de uma gravidez ectópica, que precisou ser interrompida. Entenda que problema e quais os riscos para a gestante

Resumo da Notícia

  • Imagens de feto com 10 semanas chama a atenção nas redes sociais
  • É um caso raro de gravidez ectópica, quando o óvulo fertilizado de desenvolve fora do útero
  • A mãe precisou interromper  gestação

Imagens impressionantes, de um feto com 10 semanas, tem chamando a atenção nas redes sociais. A médica, Allison Rodgers, especialista em fertilidade, publicou no Tik Tok, um vídeo, com as cenas raras, que foram tiradas do periódico científico American Journal of Obstetrics and Gynecology.

-Publicidade-
Feto de dez semanas que estava se desenvolvendo fora do útero (Foto: Reprodução/TikTok)

O vídeo encantou as pessoas, mas é uma história que não teve final feliz. As imagens são de uma mãe que precisou ter a gestação interrompida, por um problema raro, chamado gravidez ectópica, que atinge, em média, 1% das gestantes.

@dr.allison.rodgers #pregnancy #pregnant #fetus #ttc #ectopicpregnancy https://www.ajog.org/article/S0002-9378(22)00004-7/fulltext#relatedArticles ♬ original sound – Dr. Allison Rodgers

O que é isso?

A gravidez ectópica é caracterizada quando o óvulo fertilizado começa a se desenvolver fora da cavidade principal do útero, o que não é saudável nem para a mãe, nem para o bebê. Segundo especialistas, o óvulo fertilizado não pode sobreviver fora do útero e se for deixado lá, pode danificar órgãos próximos e causar risco de vida devido à perda de sangue.

Nestas caso, o feto estava localizado no canto do útero e, de acordo com a médica que fez a postagem, não era compatível com a vida e podia ser fatal para a mãe. Nós, da Pais&Filhos, sentimos muito e reforçamos sobre a a importância do pré-natal.

Os usuários da rede social ficaram impressionados com as imagens e com a história e deixaram mensagens de conforto para a mãe, nos comentários da postagem. “Isso é devastador, mas felizmente temos o conhecimento médico para salvar a vida da mãe. Tenho certeza de que isso foi extremamente difícil para ela”, disse um deles.