Gravidez

Mãe explica por que decidiu compartilhar sua experiência de fertilização in vitro no Instagram

Dara Lynn Smith lutou contra a infertilidade por 3 anos

Isabella Zacharias

Isabella Zacharias ,Filha de Aldenisa e Carlos

Uma mãe fez um relato falando por que decidiu compartilhar sua experiência de fertilização in vitro no Instagram (Foto: Getty Images)

Dara Lynn Smith fez um relato compartilhando sua experiência com fertilização in vitro. Após lutar contra a infertilidade durante 3 anos, ela decidiu falar sobre sua gravidez no Instagram. “Eu nunca me adaptei com essa rede social, mas na 16ª semana de gravidez eu decidi me preparar para anunciar minha gestação para meus amigos e familiares”, contou ao site PopSugar.

“Eu e meu marido estávamos em uma viagem de 10 dias na Espanha e eu queria documentar a experiência, mas minha barriga estava inchada e eu sabia que teria que lidar com isso”, relembra. “Depois de algumas tentativas fracassadas de legendas engraçadas, percebi porque eu me sentia tão distante do que queria postar. Eu tinha lutado contra a infertilidade durante 3 anos e falar sobre isso na internet parecia que eu estava diminuindo minha experiência”.

Dara conta que passou 2 anos fazendo consultas, ultrassons invasivos com cateteres desconfortáveis, exames de sangue, precisando lidar com inchaço, enxaqueca e uma montanha-russa hormonal que a fez questionar sua sanidade. Felizmente, o terceiro ciclo de fertilização de Dara deu certo e ela conseguiu engravidar.

“Apesar da minha felicidade, meu coração ficou se perguntando como eu lidaria com aqueles que estavam esperando respostas: os amigos que fiz em grupos de Facebook, lendo livros, escutando podcasts e também no Instagram. Através das mídias sociais, eu encontrei uma comunidade de pessoas que tiveram empatia comigo e eu não queria decepcionar aqueles que também estavam esperando seus resultados”, ela relembra.

Dara diz que a infertilidade é uma fera inconstante: “Ela transforma um dos mais belos aspectos da vida no mais doloroso. Quando eu estava tentando engravidar, entrar no Instagram era uma armadilha mortal, onde uma foto inofensiva de um amigo segurando gêmeos era o suficiente para me deixar triste”.

Então, quando chegou a hora de Dara anunciar sua gestação, ela não queria apenas compartilhar a notícia, mas também contar a verdade sobre o processo. Sem revelar muitos detalhes do procedimento, o anúncio de Dara no Instagram explicava o tempo, o esforço e quantas intervenções médicas foram necessárias para que ela tivesse um bebê.

“Eu descobri que o valor da internet é a capacidade de conectar as pessoas. Se pudéssemos trabalhar para alcançar as pessoas ao invés de tentar aparecer mais do que elas, nosso tempo rolando o feed poderia ser um pouco menos solitário e mais produtivo”, ela conclui.

Leia também:

Mulher desabafa após descobrir que médico de fertilização in vitro é seu pai biológico

Karina Bacchi abre o coração e conta detalhes sobre a fertilização in vitro para ter Enrico

Inseminação artificial x Fertilização in vitro: qual a diferença?