Mãe que perdeu Enem porque estava amamentando o filho ganha bolsa de estudos

Débora Gomez tem 26 anos de idade e viralizou em uma entrevista que conta que se atrasou para o primeiro dia de provas do Enem porque estava amamentando o filho de apenas 5 meses de idade

Resumo da Notícia

  • A história da estudante que perdeu o Enem porque estava amamentando o filho teve um final feliz!
  • Débora Gomez, de 26 anos, viralizou ao admitir que se atrasou para o primeiro dia de provas por estar cuidando do filho
  • O bebê possui apenas 5 meses de idade

A história da mãe que perdeu o Enem porque estava amamentando o filho teve um final feliz! Debora Gomez, de 26 anos de idade, viralizou ao admitir em entrevista para a televisão que se atrasou para o primeiro dia de provas porque precisava amamentar o bebê de apenas 5 meses de idade.

-Publicidade-

Durante a conversa, ela ainda admitiu que não conseguiu se dedicar tanto quanto gostaria para o vestibular deste ano, justamente por precisar conciliar maternidade e estudo. Mesmo assim, optou por fazer o Enem e tentar aplicar para uma universidade pública.

Débora chorou durante a entrevista, e contou ainda que sonha em cursar medicina. Ela ainda é mãe de uma criança de 3 anos. Diante disso, mesmo com a organização e preparação para o último domingo, 21 de novembro, chegou atrasada no seu local de prova e encontrou os portões fechados.

Debora ganhou uma bolsa de estudos
Debora ganhou uma bolsa de estudos (Foto: Reprodução/ Arquivo Pessoal/ Só Notícia Boa)

“Me senti muito triste. Acreditei que seria um fechamento de mais uma porta na minha vida” […] “É muito complicado conciliar tudo ao mesmo tempo”, declarou, de acordo com informações do portal Só Notícia Boa. Ela e o marido estão desempregados.

Débora, porém, recebeu uma notícia que vai mudar a vida da família: ganhou uma bolsa de estudos em uma universidade integral para cursar direito! A mãe aceitou a oferta e agradeceu muito o carinho dos internautas – mas conta que ainda não desistiu de se tornar médica.

“Até agora, eu não consegui a bolsa de medicina, que é a tão sonhada. No momento, eu escolhi o curso de direito, mas não vou deixar para trás o sonho de medicina”, admitiu. Demais!