Marido faz esposa grávida com insônia dormir em quarto separado: “Preciso acordar cedo”

O homem fez um desabafo e justificou a decisão, dizendo que é o único que está trabalhando no momento, já que ela foi diagnosticada com hiperêmese gravídica

Resumo da Notícia

  • Um homem comentou que pediu que a esposa grávida dormisse em quarto separado
  • Ele explicou que tem sono leve e ela sofre de insônia, e uma vez que ele está trabalhando, precisa descansar
  • O relato dividiu opiniões

Um homem recorreu ao site Reddit para fazer um desabafo. Ele fez um pedido para a esposa, grávida de 5 meses, que gerou controversa. Isso porque ele pediu que ela ficasse em outro quarto para que pudesse dormir melhor.

-Publicidade-
Primeiros sintomas de gravidez
Um homem explicou que pediu para a esposa grávida dormir em outro quarto, porque ela sofre de insônia e ele tem sono leve (Foto: Getty Images)

O texto começa com ele justificando a decisão, contando que a mulher foi diagnosticada com hiperêmese gravídica, e por conta disso, precisa ficar em repouso absoluto. Assim, ele precisa dar conta de tudo: “Trabalho em tempo integral, das 8h da manhã às 19h”.

Nos últimos dois meses, a esposa também está com insônia, e além de se mexer na cama, também fica levantando, o que segundo o homem, destrói seu sono. “Eu não quero parecer um idiota, mas preciso acordar cedo para trabalhar e como tenho sono leve, acordo fácil com os movimentos repentinos”, continuou.

Ao comentar isso com a esposa, ela entendeu completamente, atendendo ao pedido dele de ir dormir em outro quarto. Porém, quando os pais dela vieram visitar a família e souberam disso, não gostaram da atitude.

“Eu expliquei para a minha sogra minha defesa e ela disse que era o mínimo que podia fazer para ajudá-la. Não é como se eu pudesse realmente ajudá-la com os problemas de sono. Nós discutimos por um tempo até que minha esposa disse que não era problema e deveríamos deixar como estava”, escreveu.

Depois desta situação, o casal teve uma pequena discussão que fez o homem se sentir culpado, por isso ele fez a publicação para entender o que outras pessoas pensavam sobre o assunto. E o resultado ficou bastante divido.