Mulher descobre que estava grávida ao dar à luz após acidente de carro

Lynn tinha 18 anos quando contou a emissora de televisão americana TLC sobre o momento em que acordou e recebeu a filha nos braços

Resumo da Notícia

  • Uma mulher descobriu que tinha se tornado mãe de uma menina após acordar um acidente de carro
  • Lynn, de 18 anos, não sabia que estava grávida de 32 semanas quando viveu a tragédia
  • Ela fez o parto da bebê enquanto ainda estava inconsciente

Oi? Uma mulher contou à emissora de televisão americana TLC que descobriu que estava grávida depois de acordar de um acidente de carro – e receber a filha nos braços. Ela fez um parto da bebê enquanto ainda estava inconsciente.

-Publicidade-
A mulher foi levada às pressas para o hospital
A mulher foi levada às pressas para o hospital (Foto: Getty Images)

Após a tragédia, a jovem foi levada às pressas para o hospital onde os médicos, após uma bateria de exames, descobriram que ela tinha um bebê na barriga. A partir disso, e com 32 semanas de gestação, Lynn teve uma cesárea de emergência para evitar que a criança tivesse pré-eclâmpsia.

Dia das Crianças

O Dia das Crianças está chegando e se você ainda não encontrou o presente perfeito para o seu filho, a Pais&Filhos fez uma seleção especial de produtos no site da Amazon para você se inspirar, tem opções para todos os gostos e bolsos também. Dá uma olhada AQUI e arrase na escolha!

Lynn ainda conta que estava tão atordoada quando finalmente acordou que a primeira reação ao receber a filha nos braços foi acreditar que estava no quarto errado. “[Depois do acidente] o que me lembro é que acordei com um tubo na garganta, bandagem por todo o estômago e pensei ‘onde estou?’ Eu estava assustada”. As enfermeiras, então, a acalmaram com a bebê.

Lynn contou a história para a televisão (Foto: Reprodução/ TLC)

“Eles disseram ‘não se preocupe, sua filha é linda e saudável’ e eu estava pensando que não tenho uma filha, mas não conseguia falar com o tubo na minha garganta”, relembra. Após muito esforço, conseguiu dizer à equipe médica que não tinha filha, e que não estava grávida – ao menos, não sabia que estava.

“Entrei em pânico. Pensei ‘como vou criar essa criança? Não consigo nem cuidar de mim mesma'”. Lynn chegou a cogitar adoção, mas se apaixonou pela menina e agora a cria com muito amor. “Ela era simplesmente linda. Como uma bonequinha, ela era minha e eu não me importava com o que fosse necessário”, finaliza, enfim.