Mulher vence o coronavírus e leva susto ao descobrir gravidez de gêmeos após sair do coma

Danielle Martin, de 32 anos, já é mãe de três crianças e recebeu duas boas notícias de uma vez só enquanto ainda estava internada

Resumo da Notícia

  • Tudo começou com uma dor de garganta, que evoluiu rapidamente
  • Ao sentir muita falta de ar, ela foi levada às pressas para o hospital
  • Depois de dias em coma induzido, ela recebeu a notícia de que esperava gêmeos
Enquanto Danielle estava internada e isolada, mandava fotos para a família para poder matar a saudade. Nesta, ela mostrava a torrada de seu café da manhã (Foto: Reprodução / DailyMail / Caters News Agency)

Danielle Martin, uma britânica de 32 anos e mãe de três crianças, foi levada às pressas para o hospital depois de ficar sem ar. Ela começou sentindo apenas dor de garganta, que piorou com o tempo. Após exames, ela testou positivo para a covid-19.

“Parecia que eu estava sufocando, então Bryan, meu marido, decidiu chamar uma ambulância que chegou em cinco minutos e me levou embora – eu estava aterrorizada!”, ela contou em entrevista ao Dailymail.

O diagnóstico aconteceu no dia 1º de abril, e desde então ela ficou internada e respirando com a ajuda de um ventilador. Mas o quadro ela evoluiu rápido e foi colocada em coma induzido durante dez dias. “É louco o quão rápido as coisas podem piorar – um dia Danielle estava me enviando fotos me contando sobre a torrada que ela estava comendo no hospital e depois, na próxima já estava na UTI”, o marido dela, Bryan, contou.

No ultrassom é possível ver os gêmeos que ela espera (Foto: Reprodução / DailyMail / Caters News Agency)

A boa notícia (em dose dupla!)

Danielle é mãe de Jaiden, de 9 anos, Parker, de 3, e Joshua, de apenas 2 anos, e contou que ficou muito triste de ter que ficar longe das crianças por tanto tempo. “Eu esperava que ela fosse sobreviver com todo o meu coração”, o marido lembra.

Mas o que a família não esperava era que novos membros estavam à caminho. Enquanto ela estava internada, os médicos descobriram uma gestação de nove semanas – de gêmeos! Segundo os médicos, as chances de manter a gestação eram pequenas, já que ela estava lutando pela própria vida também. “Foi um pesadelo saber que ela estava lutando por sua vida e pela vida do nosso bebê ainda não nascido”, Bryan confessou.

Felizmente, alguns dias depois a família começou a receber boas notícias: Danielle estava melhorando e seria tirada do coma induzido. Ao chegar no quarto, ela foi informada de que seu estado de saúde era bom e os bebês estavam bem. “Fiquei incrédula  quando me falaram sobre os gêmeos – era a cereja do bolo saber que eu tinha vencido o coronavírus e tinha novos filhos à caminho!”, ela conta.

A família segue bem e à espera dos novos membros. “É uma maneira inusitada de descobrir que você está grávida, mas pelo menos vamos ter algo bom para lembrar sobre essa situação e momento horrível”, finaliza.

Família completa: Bryan e Danielle com os filhos Jaiden, de 9 anos, Parker, de 3, e Joshua, de apenas 2 anos (Foto: Reprodução / DailyMail / Caters News Agency)