Gravidez

Relato de mãe: minha vida sexual era incrível enquanto eu estava grávida!

Veja o relato dessa grávida e como sua libido mudou durante a gravidez

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Happy pregnant woman enjoying with her handsome husband in bedroom

(Foto: Divulgação)

A gravidez mexe muito com os hormônios femininos e pode trazer grandes alterações na libido da gestante. Algumas mães não tem apetite sexual durante a gravidez enquanto algumas sentem muito desejo. Se você é uma dessas mães que estão nas alturas, tem uma gravidez saudável e teve o aval do seu médico, esse é o momento de você curtir seus corpo e seu parceiro.

Veja o incrível relato para o site Popsugar dessa mulher que presenciou a melhor fase de sua vida sexual durante a gravidez:

Para muitas mulheres a parte ruim do sexo durante a gravidez é que ele poderia deixá-las mais ainda mais nauseadas do que enjoo matinal. Durante minha segunda gravidez, eu definitivamente não era uma dessas mulheres. Eu nunca estava satisfeita quando se tratava de sexo. Meus hormônios fizeram minha libido subir até o teto. Meu marido e eu estávamos casados por quase 10 anos e aqueles nove meses foram o ápice da nossa vida sexual. Foi incrível.

Tinha alguma coisa de especial na minha segunda gravidez. Eu sabia o que esperar porque eu já tinha passado por isso antes, então eu não estava nervosa ou preocupada comigo ou com o bebê. Eu cuidei de mim mesma também, em partes porque eu vivia atrás do meu filho de 1 ano de idade, mas também porque eu escolhi comer mais saudável. Como eu havia ganhado um pouco menos de peso, eu amava a minha barriga. Eu me sentia tão sexy e confiante que me deixava excitada… Todo o tempo.

A princípio, eu pensei que eram apenas os hormônios se ajustando ao fato de que eu estava grávida e que iria desaparecer logo. Não. Eu queria pular em cima do meu marido quase todos os dias durante nove meses seguidos. Isso definitivamente me surpreendeu. E meu marido? Bom, ele estava espantado. Durante minha prmeira gravidez eu quase nunca estava no clima então essa volta por cima excitou meu marido ainda mais. Resumindo, nós nos divertimos muito.

Fazer mais sexo também ajudou meu trabalho de parto a começar mais rápido. Minha teimosa filha pequena nasceu cinco dias depois do esperado, então nós decidimos tentar fazer sexo para encorajar o trabalho de parto. Sim, em mais de nove meses de gravidez, o pensamento de fazer sexo ainda não havia me enojado. Na verdade, eu ainda consegui ter um orgasmo. E aproximadamente uma hora depois que nós havíamos terminado, eu acordei para usar o banheiro de minha bolsa havia estourado. Mais ou menos uma hora depois disso, minhas contrações finalmente haviam começado.

Depois que minha filha nasceu, minha libido caiu tremendamente. Eu brinquei que ela havia se ido embora pelo meu canal vaginal. Hoje, eu estou de volta ao ponto onde muitas mães se encontram quando se trata de sexo – apenas cansada demais. Meu marido e eu andamos entre flores e barrancos e eu estou esperançosa que minha libido vai aumentar novamente (talvez quando as crianças forem mais velhas e eu consiga dormir mais). Mas eu sempre terei aquelas memórias sensuais dos nove meses mais sexies das nossas vidas.”

Leia mais:

Sexo no pós-parto: 4 fatos que podem chocar, mas que têm solução

Vida sexual na gravidez

Dá para amamentar e manter a vida sexual plena

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não