Gravidez

Três grávidas em trabalho de parto dividem a mesma maca do hospital de Amapá

Diversos internautas compartilharam que também já passaram por essa situação

Ingrid Campiteli

Ingrid Campiteli ,filha de Sandra e Paulo

 

(Foto: Getty Images)

Uma denúncia sobre condições de trabalho de parto foi feita no Hospital da Mulher Mãe Luzia, em Macapá, capital do Amapá! Na última quarta-feira, 11 de setembro, Correio Amapaense publicou um relato de que havia 3 mulheres dividindo a mesma cama.

“Estou aqui na maternidade e pasmem: três parturientes dividindo o mesmo leito! É isso mesmo! Três mulheres em trabalho de parto tendo que dividir uma mesma cama. A terceira não consegue nem deitar, pois não sobra espaço. Isso é desumano!”, escreveu a acompanhante de uma mulher.

(Foto: Reprodução / Facebook)

O post, rapidamente, viralizou entre os internautas e várias pessoas também compartilharam histórias parecidas. “Quando fui ter minha filha, fiquei por mais de 3 horas sentada em uma cadeira”, lembrou uma mãe. “É verdade, minha esposa está na maternidade dividindo leito com outra mãe”, confirmou um pai.É desse jeito lá. Lembro que quando fui ter meu filho, dividi o leito com 3 mulheres em trabalho de parto. É lamentável”, escreveu outra. “É muito triste. Em 2014 passei pela mesma situação. Foi horrível e ainda tive que esperar oito horas pra ter minha filha, junto de mais duas mãezinhas no mesmo leito”, lamentou mais uma.

Fique por dentro do conteúdo do YouTube da Pais&Filhos:

Leia também:

Grávida desabafa após descobrir que sogra furou os preservativos do casal: “Não foi minha escolha”

Grávida quase perde a filha e texto de grupo no Facebook salva a vida da bebê: “Ela não estava mexendo”

Grávida? Hailey Bieber chama Justin de “futuro papai” e internet vai à loucura