;
Gravidez

Vaga de emprego obriga mulher a não engravidar e causa revolta nas redes sociais

Ninguém merece!

Isabella Zacharias

Isabella Zacharias ,Filha de Aldenisa e Carlos

“Já ficamos na mão outras vezes e não queremos novamente”, ele explicou (Foto: Reprodução / Facebook)

Uma página no Facebook fez um post expondo uma vaga de emprego para atendente de caixa em um restaurante.

À princípio, a vaga pede requisitos básicos: habilidade para lidar com clientes, organização, agendamentos por telefone e gerenciar fluxo de caixa e o estabelecimento.

Porém, o que causou indignação coletiva foi uma observação depois de divulgar a pretensão salarial: caso a pessoa queira ser registrada, ela deverá assinar um termo de compromisso de “não gravidez”.

Oi?

Sim, você leu isso mesmo. Para ganhar o salário, é preciso assinar um termo que garantirá que a pessoa não engravidará. Além disso, é preciso ter disponibilidade para trabalhar aos sábados e ter experiência anteriormente.

A vaga causou revolta nos comentários. “Mas que bela prática ilegal você está cometendo”, disse uma seguidora. “Aí você engravida, e ele faz o que? Te processa porque engravidou e você prometeu não engravidar?”, comentou outra.

É importante lembrar que a licença-maternidade é um direito de todas as mulheres brasileiras.

Leia também:

Mãe solteira é demitida e estamos chocadas com o motivo: “Não posso ter este tipo de gente aqui”

Sem licença-maternidade, mãe é obrigada a levar filha de 3 meses para o trabalho e foto viraliza

Cris Guerra desabafa: “O mercado de trabalho não aprendeu a ser mãe”