Notícias

Casal vegano é condenado por desnutrição extrema da filha de três anos: “Ela não estava se desenvolvendo”

Com três anos, a menina parecia ter três meses

Nathalia Lopes

Nathalia Lopes ,Filha de Márcia e Toninho

Nem a frutas a criança tinha acesso (Foto: iStock)

A alimentação dos filhos com certeza é uma das maiores preocupações dos pais quando as crianças ainda são pequenas e estão na fase da introdução alimentar. E cada família tem um costume próprio quando o assunto é comida, algumas tem restrições alimentares, outras são vegetarianas e até mesmo veganas. Mas se a dieta do bebê for acompanhada por um profissional de saúde, ele vai achar a melhor solução para a criança.

Só que não foi o que aconteceu com casal vegano de Sidney, eles decidiram pela conta em risco que a filha deles ia ter um dieta restrita. A menina só tinha acesso a oito tipo de alimentos: aveia, batatas, arroz, tofu, pão, manteiga de amendoim, leite de arroz e de vez em quando, algumas frutas.

Isso fez com que a menina desenvolvesse algumas deficiências na fala, nos ossos e no cérebro, afinal ela nunca tomou nenhuma vitamina, vacina ou medicação. Os pais, que não podem ter os nomes revelados, foram julgados no fim de 2018 e condenados a 18 meses de prisão, mas eles conseguiram recorrer e transformaram a pena em 300 horas de serviço comunitário.

Quando a denúncia contra a família foi feita, a menina estava completando 2 anos e 7 meses e não tinha sequer um dente na boca. Ela estava extramente desnutrida e mesmo com quase três anos, segundo o The Guardian, aparentava 3 meses de idade.

A recuperação 

Em março de 2018, ela pesava 4,89 kg e não visitava um médico desde que tinha saído do hospital como uma recém-nascida.

Os pais foram condenados pela juíza Sarah Huggett por negligência e agora a menina vive com outros membros da família na região de Queensland. A juíza ainda se pronunciou pelo caso e expressou a revolta contra os antigos responsáveis pela bebê.

“É responsabilidade de todos os pais garantir que a dieta que eles fornecem às crianças seja equilibrada. Deve ter havido ocasiões para eles perceberem que filha não estava se desenvolvendo”, disse. Mas o importante é que por mais que a menina ainda dependa de tratamentos com fonoaudiólogas e fisioterapeutas, ela já teve um ganho de peso e os dentes já começaram a nascer.

Leia também: 

Menina de 12 anos faz campanha para que o Papa entre para o time dos veganos

Cookie de cacau vegano: Aprenda a fazer de um jeito fácil

Junior Lima diz que o filho é vegetariano e a gente te explica os cuidados para entrar nessa onda