Colegas doam férias para homem acompanhar o tratamento da filha com câncer

Jonathan Dupré mora na França e recebeu dos amigos da fábrica de cristais onde trabalha seus dias de férias somados para cuidar da doença de Naelle

Pai ganha férias dos colegas
Dupré e sua filha Naelle.

Os trabalhadores da fábrica de cristais onde Jonathan Dupré trabalha tiveram uma atitude nobre: cederam seus 350 dias de férias, somados, para que ele cuidasse da filha, Naelle, que está em tratamento contra câncer no rim.

-Publicidade-

Na França, desde 2014, existe uma lei que permite que os trabalhadores cedam suas férias entre si, sempre com autorização do chefe. “Com os exames e as sessões de quimioterapia, eu havia consumido todo tempo de férias a que tinha direito”, disse Jonathan Dupré  ao diário Le Réveil.

Ele vive com a esposa, Marine, e a filha no nordeste da França. Dupré ficou bastante surpreso com a atitude dos colegas e muito feliz por poder ficar em casa com a filha. “Me emocionei muito. Era um peso para nós. Agora não temos mais problemas, nem para cuidar dela nem para nos deslocarmos para os exames e tratamentos”, disse.

-Publicidade-

-Publicidade-