Notícias

Ex-BBB Fernando Justin é acusado de largar os filhos gêmeos

A acusação foi feita pela mãe das crianças, Ágata Gonçalves, após o falecimento de um dos bebês

Yulia Serra

Yulia Serra ,filha de Suzimar e Leopoldo

Ex-BBB, Fernando Justin, acusado de largar os filhos (Foto: reprodução/Internet)

O participante da sétima edição do BBB Fernando Justin foi acusado de ter abandonado os seus filhos gêmeos. A acusação foi feita pela mãe dos meninos, Ágata Gonçalves, com quem o ex-BBB teve um breve relacionamento em 2018.

De acordo com a dentista, ela o informou sobre a gravidez desde que teve o resultado positivo, quando Fernando a pediu que abortasse. Incapaz de fazer isso, ela escolheu continuar com a gravidez sozinha. Ao longo dos 9 meses, ela disse ter pedido ajuda do rapaz em diversas situações, mas nunca foi atendida.

Em outubro, ainda grávida, Ágata descobriu que um dos bebês sofria de uma má formação, conhecida por mielomenigocele, quando os ossos da coluna vertebral da criança não se desenvolvem e por isso, ele necessitaria de cuidados especiais e uma cirurgia logo após o parto.

Em entrevista para Leo Dias, ela disse: “Contei para ele (Fernando) assim que soube e o mesmo não foi capaz de me ajudar de nenhuma forma”. Os filhos nasceram prematuros e foram levados para unidades de UTI Neonatal diferentes. Novamente, a dentista procurou Fernando. “Ele não se interessou, pelo contrário, estava indo para a Bahia numa das festas mais caras de Réveillon do Brasil.”, contou a Leo Dias.

Ágata Gonçalves, mãe dos gêmeos (Foto: reprodução/Internet)

Assim, Ágata precisou se dividir no cuidado com os filhos. Um deles recebeu alta após dez dias. O outro foi submetido a cinco cirurgias e após 28 dias internado, na última segunda-feira, faleceu. Mesmo após receber a notícia, Fernando não prestou nenhum tipo de auxílio.

Ágata desabafa: “Meu filho faleceu há três dias. E Fernando coloca fotos nas redes sociais feliz como se nada tivesse acontecido. Foi isso que me levou a entrar em contato. Pois eu quero que as pessoas saibam quem ele é de verdade”.  

O ex-BBB também se manifestou sobre as acusações, negando que tenha pedido que a mulher abortasse. Mas assumiu não ter oferecido suporte financeiro nem durante nem após a gravidez. O rapaz justifica a atitude pela falta de um exame de DNA que comprovasse a paternidade: “Eu sempre deixei claro que havendo o resultado positivo, eu arcaria com as minhas responsabilidades de pai”.

O resultado do exame saiu nessa quinta-feira e confirmou a paternidade. A falta de suporte após a perda de um dos gêmeos foi explicada pela distância física entre os dois: “Eu não teria como dar apoio de outro jeito, pois moro em outro estado, trabalho diariamente de 8h a 10h por dia, estou em fase de entrega de projeto e não conseguiria sair pra resolver esses problemas.”. Ágata mora em Florianópolis enquanto o rapaz está em Curitiba.

Leia também

Pessoas se surpreendem ao conhecer sua real origem por meio do DNA

Como fazer teste de gravidez caseiro (e rápido!)

Letícia Santiago abre o jogo sobre a vagina após 3º parto normal