Notícias

Fernanda Lima exibe a barriga durante banho de sol na reta final da gravidez

Nos stories do Instagram a apresentadora também saudou seus seguidores: "Bom dia, Namastê" 

Juliane Carvalho

Juliane Carvalho ,filha de Ana Paula e Alexandre

Fernanda Lima e Rodrigo Hilbert já são pais dos gêmeos João e Francisco, de 11 anos e aguardam a chegada de Maria, a primeira menina da família. A apresentadora do programa Amor & Sexo já está no 7° mês da gravidez e nesta manhã curtiu a praia exibindo a barriga durante banho de sol.

Fernanda Lima na reta final da terceira gestação (Foto: reprodução/Instagram @fernandalimaoficial)

 

Nas redes sociais ela publicou fotos da paisagem litorânea e em nos stories desejou uma boa sexta-feira ao saudar seus seguidores com um bom dia, NamastêFernanda está apostando em um novo projeto chamado “Caminho Zen”.

 

Fernanda Lima cumprimentando seus seguidores do Instagram (Foto: reprodução/Instagram @fernandalimaoficial)

Aos 41 anos, Fernanda continua com os exercícios de Yoga no fim da gestação e embora mantenha a discrição sobre o assunto, já confessou que vai continuar praticando enquanto seu corpo permitir. “Enquanto eu enxergar meu pé seguiremos na Yoga: inspirando e expirando para ficar bem”, escreveu em uma das publicações que fez da sua barriga.

Fernanda Lima no Japão (Foto: reprodução/Instagram @fernandalimaoficial)

 

Durante a gestação, a mulher passa por muitas transformações físicas e psicológicas. Neste período, a yoga é um exercício físico que pode trazer benefícios e ajudar a gestante a aceitar as mudanças no corpo e na mente, trazendo mais energia e disposição, e ainda tranquilizar quando chegar a hora do parto.

Para iniciar, o  ideal é consultar um médico e fazer as aulas de yoga com um instrutor especializado, que saberá indicar as melhores posturas e variações para cada caso. O mais importante é consultar seu médico sobre os exercícios que você pode fazer e sempre respeitar seus limites.

Confira os 5 benefícios que a prática pode trazer a você ao seu bebê:

  1. As posturas de yoga podem ajudar a ter um parto mais fácil 

As posturas do yoga podem facilitar o parto, no primeiro trimestre, opte pelas posturas que são feitas em pé, elas ajudam a fortalecer os músculos das pernas, melhorar a circulação, aumentar a energia e podem também ajudar a reduzir as cãibras. Não pratique posturas de yoga que façam pressão no abdômen ou posturas difíceis, durante os estágios adiantados de gravidez.

  1. As técnicas de respiração auxiliam no relaxamento

O segundo e terceiro trimestre são próprios para relaxar e trazer energia a partir das técnicas de respiração. Elas vão ajudá-la a lidar com suas mudanças emocionais e também a relaxar a mente. Quando você pratica as técnicas respiratórias, está oxigenando seu organismo, e quanto mais oxigênio para nossos órgãos, mais energia, disposição, entusiasmo, e clareza mental.

  1.  É importante para o bebê também!

Uma vez que mãe e bebê estão ligados, é muito importante que ela se sinta feliz, relaxada e em paz. Yoga e meditação vão ajudá-lo a ficar relaxado e animado.

  1. Pode ajudar a melhorar sua postura e o equilíbrio do corpo

Conforme o bebê fica maior, seu peso é sentido cada vez mais nas costas e nas pernas. Para evitar dor nas costas, é uma boa ideia conservar sua espinha, cabeça e pescoço alinhados. Quando ficar em pé, distribua o peso do seu corpo igualmente pelos dois pés. Cheque se você tende a inclinar-se mais para um lado só. Sente-se com as costas retas e o queixo levantado.

  1. Diminui o inchaço do corpo 

Os exercícios de respiração estimulam o coração a trabalhar mais rápido, aumentando a circulação do sangue e impulsionando o funcionamento dos rins. Isso minimiza a retenção de líquidos.

 

Leia também:

Fernanda Lima viaja para o Japão no 6° mês da gravidez

Fernanda Lima manda a real sobre criação feminista e prova que não liga para as críticas dos outros

Fernanda Lima entra para desafio e relembra foto com barrigão dos gêmeos