Notícias

Google está desenvolvendo babá eletrônica que avisa os pais 10 minutos antes do bebê acordar

A empresa ainda está analisando a ideia

Letícia Vaneli

Letícia Vaneli ,filha de Alcides e Eugênia

(Foto: Reprodução/Getty)

As babás eletrônicas conquistaram o seu espaço no coração dos pais. Mas a empresa Google decidiu aperfeiçoar a tecnologia deste produto. De acordo com um documento apresentado nos Estados Unidos, o aparelho poderá, com 10 minutos de antecedência, notificar os pais e cuidadores quando os bebês irão acordar. Eles possibilitariam o dispositivo detectar algo fora do padrão, monitorando o comportamento, movimentos e ruídos dos bebês em um banco de dados padrão base.

“Enquanto o choro de um bebê pode alertar seus pais para que ele esteja sofrendo, às vezes, o bebê não indica audivelmente sua angústia. Por exemplo, se ele está acordado e se move quando deveria estar dormindo ou, pior ainda, esteja sufocado, enroscado na cama ou esteja em uma posição perigosa; o bebê está angustiado, mas pode não estar chorando”, declarou os criadores da ideia. “Portanto, em algumas circunstâncias, um pai ou mãe pode querer ser alertado para a ocorrência de uma situação tão preocupante.”

Em entrevista ao jornal americano CNN, o porta-voz do Google declarou que são muitas ideias ainda que estão em fase de amadurecimento. “Algumas dessas ideias mais tarde amadurecem em produtos ou serviços reais, outras não. Anúncios de produtos em potencial não devem ser necessariamente deduzidos em nossos pedidos de patente.”

Fique por dentro do conteúdo do YouTube da Pais&Filhos:

Leia também:

Thais Fersoza filma hábito de Melinda por babá eletrônica e confessa: “Acho fofo demais”

Gato preto alerta mãe sobre problema com bebê e criança é levada às pressas para o hospital

Babá só eletrônica