Mãe morre por coronavírus 6 dias após o parto sem nunca ter conhecido filho

Fozia Hanif ficou internada e teve o auxílio médico durante toda a gestação. A piora do quadro aconteceu depois de dar à luz e a mulher não resistiu

Resumo da Notícia

  • Uma mãe faleceu seis dias após dar à luz ao filho, sem poder conhecê-lo
  • A mulher foi infectada pelo coronavírus durante a gestação e teve piora do quadro depois de dar à luz
  • O bebê testou negativo para a doença
O bebê testou negativo para a doença (Foto: reprodução/Metro UK)

No dia 8 de abril, Fozia Hanif, de 29 anos, faleceu após testar positivo para o covid-19 no Birmingham’s Heartlands Hospital. A doença havia piorado depois que a mulher deu à luz ao filho no local.

-Publicidade-

O recém-nascido continua sendo supervisionado no hospital, mas testou negativo para o vírus. De acordo com os familiares, a vítima fazia o acompanhamento da maternidade com frequência durante toda a gravidez, principalmente depois do diagnóstico.

“Nós iremos mantê-la aqui para descobrir e fazer o teste para coronavírus”, contou o marido de Fozia, Wajid Ali, ao ITV News sobre a época. Depois, tiveram a confirmação da contaminação com o resultado e em poucos dias começou a ter dificuldade para respirar, por isso chamaram a ambulância.

-Publicidade-

“Quando a ambulância chegou, eles fizeram os procedimentos e tudo estava bem quanto a pressão arterial, nível de açúcar, mas eles ainda tiveram que levá-la ao hospital por conta do bebê”, completou a irmã de Fozia.

No segundo dia no hospital, o bebê nasceu. Ayaan Hanif Ali veio ao mundo no dia 21 de abril através de uma cesárea. Depois da cirurgia, a mãe foi levada a enfermaria, mas como o quadro piorou, foi transferida para UTI e precisou de ventilação.

A família afirma que foi um período complicado, uma vez que não podiam visitá-la, apenas tinham notícias através dos médicos, que falavam que Fozia estava melhorando. Assim, o pai dela apontou: “Nos deu esperança, nós ficamos animados”.

Por conta da gravidade do caso, a mãe não pode conhecer o bebê pessoalmente, apenas via fotos dele. A irmã diz que a morte foi um choque para todos. Com a notícia de piora no quadro, permitiram que o marido e pai de Fozia fossem vê-la, mas usando um equipamento de proteção.

Os familiares têm sofrido muito, mas contam com o apoio um do outro. “Ela era uma pequena superstar na nossa família. Ela era uma inspiração para todos nós”, conclui Nabil.

-Publicidade-