Mapa mundial do Coronavírus: Veja a atualização dos casos em tempo real

A Organização Mundial da Saúde disponibilizou um gráfico que mostra a situação do desenvolvimento do Covid-19 pelo mundo

Resumo da Notícia

  • No Brasil já são 230 casos de pessoas infectadas com o Coronavírus
  • foi divulgado um mapa com o intuito de facilitar a informação sobre os casos
  • A medida foi desenvolvida pela Organização Mundial da Saúde (OMS)
O mapa foi disponibilizado pela Organização Mundial da Saúde (Foto: OMS)

No Brasil já são 230 casos de pessoas infectadas com o Coronavírus e a doença está se espalhando cada vez mais pelo mundo. Nesta semana foi divulgado um mapa com o intuito de facilitar a informação sobre os casos.

A medida, desenvolvida pela Organização Mundial da Saúde (OMS), foi disponibilizada na internet e apresenta um gráfico que mostra a situação do desenvolvimento do Covid-19 em tempo real.

Além do gráfico, a OMS também apresentou um Rancking que compara o número de casos da doença e óbitos entre os países.

Clique aqui e veja o mapa

Tudo que você precisa saber sobre o coronavírus (Foto: Getty Images)

Grupos de risco

Com o aumento de casos do novo coronavírus no país, para garantir a saúde de todos, é importante saber quem são as pessoas que estão nos grupos de risco da doença e assim tomarmos as devidas medidas de prevenção.

De acordo com as informações passadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), os mais vulneráveis a contrair o Covid-19 são aqueles que já têm a situação de saúde mais debilitada.

Portanto, com a imunidade mais baixa, além dos idosos, temos nos grupos de risco aqueles com doenças crônicas, como problemas cardíacos ou respiratórios, a exemplo de bronquite asmática. Por conta dos pulmões já afetados, os fumantes também entram nos mais propensos a desenvolver a doença.

Os hospitais devem dar mais atenção a estes casos, pois além da facilidade de contrair o coronavírus, esses indivíduos têm maior chance de que a doença se complique.

Os funcionários da área de saúde, pelo contato frequente com pacientes, também têm grande chance de se contaminarem. Eles devem ter tratamento especial, para que se doentes, não espalhem para pacientes já em condição delicada.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!