Notícias

Menina de dois anos engole bateria e realiza cirurgia de emergência: “Milagre que esteja viva”

Elsie, de dois anos, estava com fortes dores nos estômago quando foi levada para o hospital

Ingrid Campiteli

Ingrid Campiteli ,filha de Sandra e Paulo

(Foto: Reprodução / The Sun)

Uma criança foi levada para uma cirurgia às pressas depois que um raio-X mostrou que a menina tinha uma bateria dentro do corpo. Kirsty, de 29 anos, levou a filha Elsie-Rose Duffy para o hospital com fortes dores de estômago. Foi quando, os médicos encontraram a bateria presa perto do topo do esôfago da menina.

Os cirurgiões afirmaram que Elsie, de dois anos, estava correndo contra o tempo pois a bateria começou a queimar no corpo da criança. A explicação foi que a corrente elétrica estava se misturando com a saliva e por isso, ela sentia dores fortes.

Os cirurgiões removeram cuidadosamente a bateria de lítio do tamanho de uma moeda. Ela já teve alta do hospital e deve se recuperar da cirurgia. “Os médicos nos disseram que suas chances de sobrevivência eram semelhantes a atravessar uma estrada movimentada sem ser atropelado por um carro”, afirmou a mãe ao The Sun.

Os especialistas acreditam que a menina engoliu a bateria cerca de 24 horas antes da cirurgia, por isso causou alguns danos. “Eles não pensaram que ela conseguiria. Se tivesse ficado mais tempo, as chances são de que ela não estivesse conosco hoje. É um milagre que ela ainda esteja viva”, disse sobre a situação da filha. “Eles me disseram para lhe dar um último beijo antes que ela entrasse”, finalizou.

Fique por dentro do conteúdo do YouTube da Pais&Filhos:

Leia também:

Mulher descobre que bebê de 12 semanas é na verdade um câncer raro e precisa fazer cirurgia

Criança precisa fazer cirurgia de emergência após mordida de gato

Menina de 6 anos engole moeda após brincadeira: “Pode ter uma parada respiratória”