Menino fica cego e surdo depois de passar 10 anos sem comer legumes

A dieta do menino era apenas de fast foods

O menino não deveria comer tanto fast foood(Foto: Getty Images)

A alimentação é uma das maiores preocupações dos pais quando os filhos ainda são pequenos. Tudo começa com a amamentação, depois a introdução alimentar (que deve ser feita com um acompanhamento médico), até chegar na fase que as crianças crescem e começam a escolher o que querem comer.

-Publicidade-

Acontece que fazer com que os nossos filhos tenham uma alimentação saudável pode ser muito complicada, principalmente depois que eles conhecem os ‘fast foods’. Mas é importante manter o pulso firme, principalmente por conta da saúde. Afinal a má alimentação pode causar uma série de falta de vitaminas. Como o caso de um menino britânico que desenvolveu surdez e cegueira.

Tudo começou quando ele estava aproximadamente com sete anos, ele contou ao The Telegraph que não gostava das texturas e de frutas e legumes. Por isso, passou a se alimentar diariamente com apenas pão branco, batata frita e carne processada!

-Publicidade-

Entenda o caso 

O jornal britânico também conversou com a médica responsável pelo garoto. Dra. Denize Atan conta que o maior erro de todos foi que existe uma falta de conscientização entre os profissionais de saúde e o público sobre a ligação entre dieta pobre e perda de visão.

E outra coisa que também prejudicou o tratamento é que ele só procurou um médico quando estava com 14 anos e reclamando muito de cansaço. Ele até foi considerado “comedor agitado”, mas não recebeu medicamentos. Apenas precisou tomar injeções de vitamina B12.

Aos 15 anos, sua audição começou a se deteriorar, assim como a visão, mas, apesar de ser realizada uma ressonância magnética, nenhum dano estrutural nos ouvidos foi detectado. (Tudo era alimentação). E por conta disso, depois de dois anos de perda progressiva, sua visão foi medida em 20/200, tornando-o legalmente cego.

Agora ele está com 17 anos e já foi provado que tudo isso foi causado pela falta de vitaminas nos alimentos ingeridos por ele. “Ele só comia batatas fritas, Pringles, salsicha e outras comidas processadas desde o primário. É o caso mais grave de cegueira causada por ‘porcarias’ que eu já vi”, conta Denize.

A mãe do menino

A mulher não quis se identificar, mas contou como isso mudou a vida dele. “Sua visão desceu muito rapidamente – até o ponto em que ele agora é legalmente cego. Ele não tem vida social agora. Depois de sair da escola, ele entrou na faculdade para fazer um curso de TI. Mas ele teve que desistir porque não podia ver ou ouvir nada”, começa.

“Ele adoraria um emprego, mas não conseguiu encontrar nada que pudesse fazer. Tive que largar o emprego também, trabalhava em um pub. Agora cuido dele em período integral. Ele está tomando suplementos vitamínicos, só que a sua dieta ainda é praticamente a mesma”, encerra.

Leia também: 

Tudo o que você precisa saber sobre a alimentação do seu filho

Como os pais podem manter a alimentação saudável dos filhos? Aprenda!

15 filmes que toda empreendedora precisa assistir

-Publicidade-