Pais

Evento ‘Mulheres Empreendedoras’ reforça a importância da autoestima: “Mulher já é forte, mas mãe é ainda mais”

A nossa editora-executiva, Andressa Simonini, foi uma das convidadas

Yulia Serra

Yulia Serra ,filha de Suzimar e Leopoldo

O evento levantou a #girlspowers para empoderar mulheres empreendedoras (Foto: reprodução/Nicole Gomes)

Nesta manhã, a Brascol reuniu um time de mulheres para falar sobre empreendedorismo e empoderamento feminino. O evento “Mulheres Empreendedoras” contou com a participação da nossa editora-executiva, Andressa Simonini e as empreendedoras, Janaina Hassim e Francielle Resende.

Durante a conversa, elas enfatizaram a importância de você, mulher, na sociedade hoje e nos múltiplos papeis que exerce: profissional, filha, esposa, mãe, dona de casa, estudante, amiga… Porque, quando você se propõe a fazer algo, vai até o final e dá o seu melhor.

Andressa levantou alguns dados do IBGE que mostram que o mercado de trabalho tradicional não é acolhedor com você.  Já que apenas 37,8% dos cargos de chefia dentro das empresas são ocupados por mulheres e que, embora trabalhem, em média, 3 horas a mais que os homens por semana, recebem apenas dois terços do salário deles.

A partir desse cenário, o evento levantou a #girlspowers. Ou seja, a necessidade de você cuidar e estar bem consigo mesma para que as outras áreas da sua vida possam fluir bem. Essa questão continua essencial após o nascimento dos filhos. Eles podem se tornar uma prioridade, mas você não deve se deixar de lado.

O evento contou com várias mulheres empreendedoras para discutir sobre o tema (Foto: reprodução/Nicole Gomes)

“A maternidade muda tudo na cabeça de uma mulher e, assim, ela vem para agregar”, disse Andressa e Janaina completou: “Mulher já é forte, mas mulher mãe é ainda mais”. Por essa razão, estamos com o projeto Nascer de Novo, em parceria com a Brascol, para valorizar as mães empreendedoras.

Para participar, basta enviar uma mensagem para nosso direct do Instagram (@paisefilhosoficial) contando sobre a sua experiência com o negócio próprio e como ele funciona. Sua história poderá aparecer em nossas matérias e, ao final do projeto, 10 mulheres serão escolhidas para apresentar a sua ideia para uma bancada de especialistas e receberão 10 mil reais em lotes de produtos da Brascol.

A nossa editora-executiva, Andressa Simonini, foi uma das palestrantes do evento (Foto: reprodução/Nicole Gomes)

“Empreender exige muita coragem, porque precisa de muito estudo, pesquisa e vontade”, afirmou Andressa e, por isso, levantamos essa bandeira nesse ano. Começar algo do zero te sujeita a correr riscos então Janaina defende que os homens sejam incluídos e se unam a nós nessa causa.

O suporte do marido e dos filhos é essencial. Ter essa rede de apoio te fortalece para enfrentar as eventuais dificuldades. Não tenha receio em pedir ajuda. “É bom mostrar para os filhos que você também erra”, disse nossa editora-executiva.

Você tem muitas responsabilidades e se cobra para ser perfeita em todas elas a todo momento, mas nem sempre é possível. E está tudo bem. A mulher está aumentando sua participação no ambiente profissional, mas ainda há muito a ser conquistado.

As mães empreendedoras marcaram presença e compartilharam suas experiências (Foto: reprodução/Nicole Gomes)

Então, empreender se torna uma saída. “Nós conseguimos conquistar tudo isso, porque somos mulheres”, pontuou Francielle, que parabenizou as presentes por empreenderem e fazerem algo por si. Para continuar ocupando esses e novos espaços todas as palestrantes reforçam a necessidade de cuidar de você em primeiro lugar. Não se esqueça!

Leia também:

Quer ser a dona do seu próprio negócio? Conheça o projeto Nascer de Novo

Descubra como construir uma marca forte e consolidada após a maternidade

Loja de bonecos representativos quer incluir as crianças na sociedade: “É brincando que se aprende”