;
Pais

Mãe usa experiência com filho para ajudar outras mulheres: “Para construirmos um mundo melhor”

Ela estudou sobre o assunto e decidiu compartilhar o conhecimento

Yulia Serra

Yulia Serra ,filha de Suzimar e Leopoldo

A Studere nasceu de um momento de reflexão entre amigas mães (Foto: reprodução/Arquivo Pessoal/Maira Vieira)

Encontrar um sentido no trabalho era uma necessidade de Alessandra Kredensir e ela conseguiu descobrir essa resposta com a chegada dos filhos. Junto de outra mãe, ela criou um negócio próprio:

“Sou engenheira e trabalhei 12 anos em diferentes áreas de uma multinacional. Amava meu trabalho, a empresa, as pessoas, mas confesso que parecia que faltava algo. Acho que o fato de eu ter mudado tanto de área (foram 4, no total) reflete um pouco essa angústia de que não tinha encontrado meu propósito.

Então eu engravidei e essa falta de alinhamento entre meu propósito de vida (que eu nem sabia qual era) e meu trabalho ficou explícito: algo dentro de mim gritava para eu buscar minha melhor versão e buscar um trabalho que deixasse um mundo melhor para meu filho.

Ele tinha poucos meses quando meu marido recebeu uma proposta para trabalhar no México. Fomos! Fiquei 3 anos me dedicando à família, tive outro filho e fiz cursos.

Durante esse período de autoconhecimento, meu filho mais velho passou por uma fase muito desafiadora para mim. Fazia birra por tudo, não colaborava em nada: não queria tomar banho, depois não queria sair do banho, não queria subir na cadeirinha do carro, depois não queria descer, não queria ir pra escola, etc.

Estava muito difícil e eu não queria ficar brigando com meu filho, desgastar nossa relação e também não ia ficar medindo forças com uma criança de 2 anos! Decidi estudar. Estudei sobre crianças, comportamentos, linhas pedagógicas e, à medida que eu ia aplicando meus novos conhecimentos, as coisas melhoraram muito.

Não só com meu filho, mas com todos à minha volta, porque consegui compreender os comportamentos e reagir a eles com mais consciência. Veio uma vontade de explicar aquilo para todo mundo, ajudar a todos na educação de seus filhos, para construirmos um mundo melhor.

Conversei com a Renata Villanova, uma de minhas melhores amigas e que estava passando pelo mesmo período de reflexão. Ela disse que também queria fazer parte, que isso conversava exatamente com a linha que estava buscando.

Alessandra e Renata buscam auxiliar outras mães nessa fase (Foto: reprodução/Arquivo Pessoal/Maira Vieira)

Assim, nasceu a Studere, um lugar para ajudar pais e mães nos desafios cotidianos do desenvolvimento de seus filhos. Queremos contribuir positivamente na construção de um mundo melhor, tornando o desenvolvimento de nossas crianças uma jornada incrível.

A Studere vai contar com especialistas em diversas áreas, como desenvolvimento social e emocional, desenvolvimento físico e bem estar, desenvolvimento cognitivo e linguístico, bem estar (físico e emocional) dos pais, trazendo informação de várias linhas de pensamento para que possam fazer as escolhas mais adequadas aos seus valores e estilos de vida.”

A maternidade é mesmo uma experiência transformadora em vários aspectos. Se a chegada dos seus filhos trouxe a vontade de empreender, conte sua história para nós via direct e participe do nosso projeto em parceria com a Brascol, Nascer de Novo.

Leia também:

Mãe usa experiência com os filhos para ajudar outras mulheres e cria negócio próprio

Mulher muda de carreira após a maternidade: “Consegui me realizar profissionalmente e como mãe”

Delivery de roupas infantis vira negócio após mulher se tornar mãe: “Nosso papel é facilitar a sua vida”