Pais

Reinvenção da maternidade: Sabrina Sato, Tata Estaniecki, Thaeme Mariôto e Negra Li falam a real sobre o tema

Artistas participaram de bate-papo nesta terça-feira (12), e a Pais&Filhos marcou presença!

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Sabrina Sato, Negra Li, Tatá Estaniecki e Thaeme falaram sobre maternidade (Foto: Arquivo pessoal)

Quanto sua vida mudou após o nascimento dos seus filhos? Muito, não é? E, com o nascimento de uma criança, nasce também uma nova mãe e uma nova mulher. Para falar sobre esse tema, a Pompom organizou nesta terça-feira (12) um bate-papo bem animado. Conduzido por Sabrina Sato, mãe de Zoe e embaixadora da marca, o evento contou com a presença de Tata Estaniecki Cocielo, grávida de quatro meses do primeiro filho, Thaeme Mariôto, cantora e mãe de Liz, e Negra Li, cantora e mãe de Sofia e Noah.

Muitas convidadas estavam acompanhadas dos filhos, mas a pequena Zoe, filha de Sabrina e Duda Nagle, não estava presente. “A Zoe está naquela fase de querer ir junto para todos os lugares. Tá difícil, gente!”, disse a apresentadora, antes de chamar as convidadas ao palco.

O primeiro assunto foi, claro, matar a curiosidade sobre a gravidez de Tata. “Ainda não sei se é menino ou menina, mas vamos fazer o chá de revelação neste fim de semana. Estou ansiosa!”, disse ela. Nós também estamos – e vamos ficar de olho!

Tata também relembrou como descobriu que estava grávida. Ela estava em Orlando, viajando com o marido, Julio Cocielo, e outros amigos, quando começou a sentir que estava “diferente”. “Estava sentindo uma sensibilidade nos seios, um comportamento diferente também, então decidi comprar um teste de farmácia. Comprei o mais baratinho, aquele que acende dois risquinhos”, conta a influenciadora. Porém, ao realizar o teste, ela percebeu que o primeiro traço apareceu, mas o segundo apareceu muito mais claro; sendo assim, ela achou que não estava grávida, mas continuou com a pulga atrás da orelha. Ela foi novamente à farmácia e comprou um novo teste, mas ao ver novamente à venda o teste que tinha comprado, leu a embalagem com mais atenção. “Estava escrito ‘resultado em três minutos’. Saí correndo da farmácia, voltei, peguei o teste no lixo e lá estavam os dois sinais, acesões”, relembra.

Elas falaram sobre os desafios da maternidade (Foto: Arquivo pessoal)

Negra Li, a única mãe de dois do bate-papo, falou sobre o tema. “A diferença de idade é importante, tanto entre eles quanto a minha diferença de idade. Eu não me lembro de ficar tão cansada com a Sofia como às vezes eu fico com o Noah. O primeiro é aquela empolgação, mas o segundo você sente”, riu Negra Li. E complementa: “Você aprende muito e tenta não cometer os mesmos erros. O Noah já nasceu criado. Minha mãe costuma falar que eu o criei ainda dentro da barriga”.

Quando questionadas por Sabrina Sato se pretendem ter mais filhos, apenas Thaeme disse que sim. A parceira de dupla com Thiago também relembrou que cantava para a bebê quando estava grávida – ela chegou a compor uma música em homenagem à filha, ‘Pedacinho meu’. “Continuo cantando a música para ela, mas querem saber qual é a preferida? ‘Cinco patinhos foram passear…’”, conta Thaeme.

Thaeme falou sobre as músicas que canta para a filha (Foto: Acervo Pais&Filhos)

Negra Li também revelou que cantava para os filhos, durante a gravidez e assim que eles nasceram. “Para a Sofia eu cantava Tribalistas (‘Velha infância’). Já para o Noah eu compus uma música, chamada ‘Mãos pequenas’”, relembra a artista.

Para encerrar o papo, Sabrina falou sobre puerpério e relembrou o seu. “Eu confesso que romantizei muito a gravidez, o parto… Achei que ia fazer um parto natural maravilhoso, que tudo ia ser lindo e eu quebrei a cara. Nada saiu como eu imaginava, como eu planejava. Eu tive um puerpério bem difícil, um momento ‘baby blues’ bem chato. Chorava o tempo inteiro, não queria deixar ninguém ver a Zoe, não queria receber ninguém em casa, não deixava ninguém tirar foto. Protegia minha filha como uma leoa, um bicho meu.”

Leia também:

Evento da Pom Pom falará sobre reinvenção da maternidade e você não pode perder!

Sabrina Sato defende que não existe gestação perfeita: “Romantizei a gravidez, mas chorava o tempo inteiro”

Um dia para elas! Pom Pom promove caminhada dedicada às mães