;
Pais&Filhos no Insta

CEO da Apple abre o jogo e diz o que pensa sobre crianças usarem internet

Ele ainda falou sobre a importância da programação na grade curricular escolar

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Tim Cook e jovens (Foto: reprodução/ Instagram)

O CEO da Apple, Tim Cook, revela preocupação sobre o abuso do uso da internet pelo jovens. Mesmo que isso vá contra os interesses da empresa que é chefe-executivo, onde educação e design são pontos fundamentais.

“Não acredito no uso excessivo da tecnologia. Eu não sou daqueles que acreditam que você será bem-sucedido usando-a o tempo todo”, disse Cook durante uma visita ao Harlow College, em Essex, um dos 70 centros de educação da Europa que adotará o programa da Apple para ensinar programação ao alunos.

O sucessor de Steve Jobs ainda ressalta o quanto é desnecessário usar tecnologia em algumas matérias escolares. “Há conceitos que são mais bem explicados por meio do diálogo. A tecnologia faz falta na literatura? Provavelmente não”, disse ele. “Eu não tenho filhos, mas tenho um sobrinho de 12 anos e coloco alguns limites para ele. Por exemplo, não quero vê-lo nas redes sociais”.

Cook também enfatizou seu interesse em difundir a programação como meio de transformação social e de linguagem para o futuro. Entretanto, ele acredita que a verdadeira ferramenta de equalização é a educação.

Nesse novo programa é oferecido um Ipad para cada aluno com conteúdo e ferramentas para aprender a programar. “Se eu tivesse que escolher, acho mais importante aprender programação do que aprender uma língua estrangeira. Sei que muita gente não concorda com isso, mas a programação é uma linguagem universal com a qual se pode alcançar mais de 7 bilhões de pessoas” completou Cook durante a visita.

Tim Cook, CEO da Apple (Foto: reprodução/ Instagram)

Restringir o uso da internet entre os jovens é algo comum entre os líderes tecnológicos. Evan Williams, um dos fundadores do twitter, mantém os filhos longe de aparelhos eletrônicos, segundo o livro “Hatching Twitter”. Steve Jobs e Bill Gates também eram a favor das limitações.

Leia também 

Conheça pai e filha que bombaram na internet dublando Maroon 5

Google divulga lista dos melhores apps e jogos de 2017 para crianças

Boa Notícia: garota de apenas 9 anos é fera da programação de aplicativos