;
Bebês

Mãe de gêmeos é acusada de cometer uma atrocidade com os filhos

A britânica já foi condenada a prisão

Isabelle Marsola

Isabelle Marsola ,Filha de Soraya e Júnior

Os gêmeos foram assassinados pela própria mãe (Foto: reprodução The sun)

A mãe das crianças Samantha Ford de 37 anos foi condenada por assassinato no último sábado (29), após deixar seus filhos sozinhos em casa. Os gêmeos  Jake e Chloe tinham 1 ano e 11 meses e foram encontrados na casa em que viviam com a mãe em Margate no Reino Unido no dia 27 de dezembro.

Samantha com seus filhos (Foto: reprodução The Sun)

Segundo a polícia em relato ao jornal britânico The Sun, Samantha bateu seu carro de proposito na traseira de um caminhão e teve leves machucados. Após o resgate da mãe os policiais foram até a casa encontrar os gêmeos que estavam sozinhos. Quando chegaram ao local, os gêmeos foram encontrados em péssimo estado de saúde e foram levados ao hospital.

Os médicos fizeram de tudo para salvar os bebês, mas eles não resistiram e morreram pouco após chegarem ao hospital.

O pai das crianças, Steven Ford, não estava vivendo mais com Samantha, não foi revelado se o casal havia se separado. Dois dias antes do assassinato dos gêmeos, ele havia postado uma foto nas redes sociais com Chloe na qual dizia: “Abraçado com a minha menininha! Meu mundo, meus gêmeos”. Steven também está sendo investigado sobre o caso.

Publicação que o pai fez para sua fillha (Foto: reprodução The Sun)

Vizinhos chocados disseram que a família só se mudou há cerca de três semanas. Um deles disse: “Eles pareciam normais. É absolutamente trágico e horrível”.

Um morador que mora na esquina disse: “Isso é absolutamente doloroso. É uma tragédia completa. Eles eram muito novos na área. É horrível”.

“Você não pode compreender algo assim acontecendo. Ter duas vidas jovens desaparecidas tão cedo é terrível.”

Família completa (Foto: reprodução The Sun)

Leia também:

Menino de 3 anos se perde da mãe e morre no metrô de São Paulo

Mãe deixa filha de 4 anos sozinha no carro em estacionamento e pessoas ao redor entram em pânico

Após 26 anos, Glória Perez desabafa sobre o assassinato da filha: “Quanto mais o tempo passa, mais dói esse dia”