Criança

Sexo com menores passa a ser considerado estupro na Índia e é uma conquista histórica!

Mesmo dentro do casamento, a relação sexual será considerada crime

Jéssica Anjos

Jéssica Anjos ,filha de Adriana e Marcelo

(Foto: Getty Images)

A situação vivida pelas mulheres na Índia é muito difícil. Com mais de 1 bilhão de habitantes, o país é um dos lugares mais perigosos para uma mulher viver.

São altos os índices de estupros e violações por parte dos homens, por isso as indianas começaram a lutar por seus direitos. Finalmente conseguiram a aprovação da lei que qualifica sexo com crianças e menores de idade como estupro.

De acordo com o site Hypenessa decisão foi tomada pela corte suprema da Índia. Eles conseguiram derrubar uma cláusula que sempre permitiu que os homens mantivessem relações sexuais com menores de idade se eles fossem casados com a criança ou adolescente.

A idade de sexo consensual era acima de 18 anos, mas se o homem se casasse, garotas menores de idade deveriam manter relações com os cônjuges mesmo contra a própria vontade.

(Foto: Getty Images)

A conquista é um marco histórico no país que tem um registro de um estupro a cada 21 minutos. A lei deve impedir que estupradores se casam com crianças ou adolescentes e sejam punidos por seus atos pela justiça do país.

(Foto: Getty Images)

Leia também:

Atenção! Vídeo explica para as crianças a diferença entre carinho e abuso sexual

Menina escreve bilhete após palestra em escola denunciando o pai por abuso sexual

Decisão histórica: Nigéria aprova lei que proíbe mutilação genital de meninas