Criança

Volta às aulas sem neura: dicas para enfrentar essa fase numa boa

Afinal de contas, essa experiência deve ser boa pra você e para ele

Isabella Zacharias

Isabella Zacharias ,Filha de Aldenisa e Carlos

A primeira vez na escola pode ser assustadora (Foto: Getty Images)

Se seu filho está indo pela primeira vez para a escola, é importante saber que isso pode ser uma coisa um pouco diferente e assustadora para ele. Por isso, vamos te dar algumas dicas pra que essa experiência seja boa para você e, principalmente, para ele.

Fale com ele sobre isso de uma maneira positiva
Quanto mais ele souber sobre a escola, melhor será para ele. Se tem a escola tiver uma área de lazer legal, como um parque com escorregadores e outros brinquedos, fale para ele! Fale sobre os professores e sobre as amizades que ele irá fazer. Assim, ele poderá falar como se sente sobre essa nova experiência.

Falar sobre as amizades novas pode fazer com que ele fique animado (Foto: Shutterstock)

Invente uma história para ele
Conte uma história sobre o que vai acontecer quando ele chegar na escola. Caso ajude, faça um desenho de como é a escola ou mostre fotos para ele! Isso fará com que ele imagine a situação de uma forma positiva e se empolgue mais para ir à escola.

Conte uma história sobre a escola e o que ele encontrará por lá! (Foto: Reprodução)

Oriente-o
Muitas crianças podem ficar tímidas e não saber como agir quando chegam na escola. Incentive-o a brincar com os brinquedos que a escola tem e a fazer as atividades enquanto estiver lá.

Marque uma data especial para comemorar
Isso pode fazer com que ele perceba que irá viver uma fase nova. Você pode dizer coisas como “depois que voltarmos das férias, você irá para a escola”. Funciona para que ele entenda que quando algo chega ao fim, uma nova experiência começa.

Incentive-o a participar de tudo! (Foto: Shutterstock)

Conheça a nova rotina dele
Converse com os professores sobre a rotina da escola para que você possa adequá-la em casa.
Um exemplo são os horários de sono, de almoço e lanche. Isso ajuda a ajustar o relógio biológico e facilitará a rotina dele.

Leia também:

MEC muda regra de idade mínima para matrícula na escola e gera polêmica

Educação é um direito! Aprenda como exigir um desenvolvimento escolar de qualidade para o seu filho

Mãe escreve recados em material escolar para encorajar o filho