Saúde

5 motivos para você acrescentar o queijo na alimentação da sua família 

Alguns estudos avaliaram os benefícios do alimento

Nathalia Lopes

Nathalia Lopes ,Filha de Márcia e Toninho

Os queijos podem trazer benefícios à saúde (Foto: Getty Images)

Uma pesquisa americana achou cinco motivos para você comer queijo. Por mais que algumas pessoas insistam em dizer que queijo não é saudável por causa da gordura saturada, os estudos mais recentes começaram a questionar a ligação entre gorduras saturadas e doenças cardíacas.

Se inserido na dieta, com moderação, o queijo pode ser um aliado à sua saúde. Então, vamos aos 5 benefícios desse alimento tão gostoso:

1. Diminui o risco de doenças cardíacas

Alguns pesquisadores acham que o queijo pode explicar o chamado paradoxo francês, que os franceses têm baixas taxas de doenças cardíacas, apesar de sua afinidade com o queijo e outros alimentos ricos em gordura saturada, como manteiga e pato.

Pesquisadores, que observaram algumas pessoas durante toda a vida delas, descobriram em 2016 que, comer aproximadamente 60g de queijo por dia pode ser associado a um risco de 18% menor de ter uma doença cardíaca do que pessoas que não incluem queijos na dieta.

O British Journal of Nutrition publicou um artigo sobre os estudos: Os autores propõem que minerais como cálcio, potássio e magnésio e vitaminas e B12 podem ser convenientes à saúde cardíaca. Uma outra descoberta importante, indica que, comer apenas 30 gramas de queijo por dia pode reduzir o risco de derrame em 13%.

2. Diabetes

Um outro estudo, publicado no American Journal of Clinical Nutrition, diz que se você comer 15g de queijo por dia, pode reduzir os riscos de desenvolver diabetes tipo 2 em 8%. Os pesquisadores dizem que, são as gorduras saturadas de cadeia curtas do queijo que podem diminuir as chances de ter a doença. Além disso, o cálcio, que aumenta a secreção de insulina e pode reduzir a resistência ao hormônio, afastando doença.

3. Ajuda você a evitar a morte

Ok, a gente sabe que isso pode ser exagero, mas segundo O Jornal Europeu de Nutrição Clínica, que acompanhou 960 franceses por quase 15 anos para ver se os alimentos que eles comiam tinham alguma relação com a taxa de mortalidade. A surpresa… talvez os efeitos de diminuição da pressão arterial provenientes do cálcio desempenhem um papel ou capacidade de reduzir a absorção de gordura no intestino. Foi associado, então, uma diferença de 38% em relação a morte de pessoas que comiam 60g de queijo das que não comiam.

4. Pode melhorar o seu colesterol

Uma análise de 2015 de ensaios clínicos randomizados na Nutrition Reviews comparou o colesterol no sangue de pessoas que ingeriam uma dieta prescrita que incluía manteiga ou queijo. Os consumidores de queijo terminaram os experimentos com colesterol total e LDL mais baixos do que as pessoas que comiam manteiga.

As alterações do colesterol podem ser associadas à capacidade do cálcio de transportar gordura através do intestino para que você não o absorva nem as calorias associadas (a quantidade de cálcio é muito maior no queijo do que na manteiga).

5. Mais forte? O queijo pode aumentar sua massa muscular 

Comer quase uma xícara de ricota por dia durante 12 semanas aumentou a massa muscular e melhorou o equilíbrio em adultos saudáveis ​​com mais de 60 anos, dizem os pesquisadores do estudo, publicado em 2014 na Clinical Interventions in Aging.

Leia Também: 

Saiba os benefícios dos cogumelos para a alimentação do seu filho

10 passos para uma alimentação saudável na gravidez

Pão de queijo de frigideira