Gravidez

Grávidas, não deixem de ir ao dentista! Te explicamos o motivo

É nesse momento que a cárie aparece

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

grávidanodentista

Foto: Istock

Ao planejar uma gravidez, ou se descobrir grávida, um dos primeiros passos é a busca por um ginecologista. A atitude está corretíssima, entretanto, um outro profissional também deve ser procurado pelas gestantes, trata-se do dentista, responsável pelo pré-natal odontológico.

De acordo com a dentista Daniela Yano, durante a gestação, a mulher fica mais suscetível a sofrer com gengivites e cáries, o que, caso seja negligenciado, pode ter consequências gravíssimas, como a ocorrência de um parto prematuro, ou o nascimento de bebês com baixo peso.

“As mudanças hormonais, da alimentação e também o mal estar típico do período, podem modificar a composição da saliva e o pH da boca, deixando os dentes mais propensos ao aparecimento da cárie. Além disso, as grávidas costumam ter uma vasodilatação maior da placa gengival, o que facilita o aparecimento da gengivite gravídica, uma infecção da gengiva que afeta a saúde do bebê e pode levar ao parto prematuro”, explica.

Como são as consultas?
De modo geral, as consultas durante o pré-natal odontológico são bem parecidas com uma consulta normal no dentista. A diferença é que o profissional ficará mais atento aos problemas comuns deste período, bem como buscará preparar os pais para, no futuro, cuidarem da saúde bucal das crianças.

O ideal é que a mulher passe por uma consulta ainda enquanto planeja a gravidez. Dessa forma, poderá realizar todos os procedimentos necessários sem maiores preocupações, podendo, durante a gestação, visitar o dentista com uma frequência menor.

Na gravidez, as visitas ao profissional devem se iniciar junto com o pré-natal tradicional. Aqui, o intervalo entre uma consulta e outra dependerá da necessidade de cada gestante. Contudo, lembra Daniela, caso haja a necessidade de algum procedimento mais invasivo, o segundo trimestre será o período mais ideal para realizá-lo.
Fique de olho

Para evitar problemas com a saúde bucal durante a gestação, a dica da profissional é manter a escovação e o uso do fio dental em dia, sendo que vale testar novos sabores de pasta, caso a que você costumava usar antes da gravidez, cause enjoos.

*Por Gladys Magalhães 

Leia também:

De olho no prato: crianças com Síndrome de Down precisam de cuidados com a alimentação

Gravidez sem dúvida: alimentos que ajudam a engravidar

Guia de alimentação para grávidas

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não