Saúde

Ministério da Saúde faz primeiro acordo para reduzir açúcar em alimentos industrializados

Os detalhes foram divulgados nesta segunda-feira (26)

Nathália Martins

Nathália Martins ,Filha de Sueli e Josias

comendo

O iogurtes também fazem parte da lista de alimentos industrializados com açúcar (Foto: Pixabay)

A grande maioria das pessoas já sabem que o açúcar em alimentos industriais fazem mal para a saúde, provocando doenças como a obesidade infantil, que está crescendo na atualidade. Os pais de plantão já estão ligados que as crianças compõe boa parte do público consumidor desses produtos: achocolatados, sucos de caixinha, refrigerantes, bolos e biscoitos. Pois é, a boa notícia é que finalmente o Ministério da Saúde fez seu primeiro acordo com a indústria alimentícia para a redução de açúcar em alimentos industrializados.

Os detalhes foram divulgadas em coletiva de imprensa, nesta segunda-feira (26), e o acordo deve ser assinado pelo ministro da Saúde, Gilberto Occhi. Segundo o comunicado, com essa ação o Brasil passa a ser um dos primeiros países do mundo a buscar essa diminuição.

ministro

Slide em coletiva de imprensa do Ministério da Saúde (Foto: Reprodução/ Twitter)

A indústria terá até 2022 para diminuir 144 mil toneladas de açúcar de alimentos industrializados no país. “Este acordo tem um prazo de validade, numa busca permanente dos melhores indicadores, mas acredito que valerá sempre. Este é um grande segundo evento, o primeiro foi feito há alguns anos com relação a redução do sódio e temos tido muito sucesso com esta redução. Ela é gradual, como é com açúcar e será com teores de gordura. Avançaremos também com a questão da rotulagem dos alimentos processado para que o cidadão possa fazer sua escolha com um pouco mais de informação e consciência”, disse o ministro da Saúde durante a coletiva.

O Twitter do ministério da Saúde divulgou que fazem parte do acordo a Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação (ABIA), a Associação Brasileira das Indústrias de Refrigerantes e Bebidas Não Alcoólicas (ABIR), a Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães e Bolos Industrializados.

Leia Também:

Consumir açúcar e gorduras em excesso pode causar infertilidade 

Açúcar não! Saiba porque essa substância faz mal a seu filho! 

5 maneiras de diminuir o açúcar do café da manhã do seu filho