Como assim? Plantas invadem apartamentos na China e ‘expulsam’ moradores dos próprios lares

Com o plano de realizar florestas verticais, complexo de oito prédios, construídos em 2018 estão sendo cobertos pela própria vegetação

Resumo da Notícia

  • Prédios com "florestas verticais" estão sendo cobertos pela própria vegetação e têm expulsado os moradores
  • Eles expuseram a condição de vida nos blocos em um vídeo e mostraram as plantas  subindo as paredes externas do edifício
  • Com muitos mosquitos, poucos residentes efetivamente se mudaram ao conjunto residencial, deixando o local e as plantas abandonados

No sudoeste da China, um conjunto de prédios que tinham como intuito deixar o país mais verde, enchendo a varandas dos apartamentos de plantas e transformando os prédios em “vegetalizados”, segundo a Folha de São Paulo, foi fracassado, já que a vegetação tomou conta do edifício e expulsando os moradores das próprias residências.

-Publicidade-

Com ambiente atrativo, o local chamado de “Jardim da Floresta Qiyi”, vendeu os apartamentos com muita facilidade, sendo os 826 comprados até abril de 2018, segundo o site da incorporadora.

(Foto: Reprodução/ AFP)

O conjunto residencial com cara de pequena selva, segundo vídeo feito pelos próprios moradores, acabou tendo destino um pouco diferente do planejado. Contrariando as expectativas da construtora, as plantas não estavam se contendo com o espaço destinado a elas e começaram a invadir os apartamentos, se estendendo das áreas externas às paredes do edifício.

-Publicidade-

Alguns apartamentos, diferente do que foi visto na maioria das imagens, são bem cuidados e têm até móveis externos e bastante luminosidade, parecendo ser um ótimo lugar para se viver. Em contrapartida, outros têm a aparência realmente negligenciada.

Muitos mosquitos

Como consequência da grande vegetação a proliferação dos mosquitos aumentou significativamente. Com toda essa situação, de todos esses apartamentos em diversas torres, apenas 10 famílias moram lá de fato. O complexo de prédios fica na cidade de Chegdu, capital da província chinesa de Sichuan.

Tendo em mente essa falta de residentes, essa pode ser uma explicação plausível para as imagens das plantas literalmente invadido os apartamentos, já que, sem moradores, consequentemente esses apartamentos acabariam ficando sem manutenção também.

(Foto: Reprodução/ AFP)

-Publicidade-