Criança

Cristo Redentor amanhece em luto: mais duas crianças foram vítimas de bala perdida

Nossos sentimentos estão com as famílias de Emily e Jeremias

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

Créditos: Instagram

Créditos: Instagram

Todas as notícias que lemos sobre crianças vítimas de bala perdida no Rio de Janeiro são muito tristes e chocantes. Pensando nisso, a ONG Rio de Paz fez um protesto contra a violência no lugar mais famoso da cidade: Cristo Redentor.

Eles lembraram as mortes de Emily Marriel, de 3 anos e de Jeremias da Silva, de 13 anos, que foram baleados nesta terça-feira (6). As crianças entraram na lista que soma 44 crianças, até o momento, que foram vítimas de balas perdidas na cidade, desde 2007.  Infelizmente, a cada ano, mais nomes são adicionados nesta lista. Quando isso vai acabar?

Leia também:

Anúncio

FECHAR

Não me toca, seu boboca! Livro faz com que crianças entendam o que é violência sexual

Em caso de abandono de um dos pais, a indenização é um direito?

Maternidades investem em tratamentos mais humanizados para mães e filhos

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não
Envie sugestões
×

Envie suas sugestões