Síndrome do torniquete: mãe faz apelo após notar machucado grave na filha causado por cabelo

Nikki e Rach são mães de duas filhas – e recorreram às redes sociais para conversar com famílias sobre os perigos de fios de cabelo perto de bebês. Entenda o caso

Resumo da Notícia

  • Mãe faz apelo após machucar a filha com seu cabelo comprido
  • Nikki e Rach são mais de duas filhas - e recorreram às redes sociais para conversar com famílias sobre os perigos de fios de cabelo perto dos bebês
  • Entenda o caso

Nos primeiros meses de vida, é importante ficar atenta e manter os cuidados redobrados com a saúde dos bebês. Mesmo assim, certas situações pode passar despercebidas e, por causa disso, é ainda mais necessário estar preparado para elas.

-Publicidade-

Assim, Nikki e Rach, que são mães de duas meninas, recorreram às redes sociais para pedir que pais fiquem justamente atentos com sintomas que podem não estar percebendo nos filhos – principalmente machucados desconhecidos.

Nikki explicou, em uma publicação do Instagram, que encontrou o pé da filha com inflamações nos dedos dos pés – simplesmente porque um fio de cabelo havia enroscado neles. A situação gerou dias de desconforto para a bebê sem que ela soubesse, simplesmente porque a menina não sabe como alertar a mãe.

Nikki admitiu que a filha se machucou
Nikki admitiu que a filha se machucou (Foto: Reprodução/ Instagram)

“Torniquetes de cabelo ocorrem quando um fio de cabelo ou outra fibra, como um fio, se enrola firmemente em torno de uma parte do corpo, mais comumente em um dedo ou dedo do pé”, explicou Nikki. “Eles são mais comumente vistos em bebês e crianças pequenas devido à sua incapacidade de nos dizer o que está acontecendo e onde eles têm dor”. Ela ainda ressaltou que isso ocorre porque muitas mãe sofrem com queda de cabelo extrema pós-parto.

Por isso, a mãe pediu que outras pessoas fiquem atentas a cabelos compridos perto dos bebês e que, além disso, prestem ainda mais atenção nos sinais do que seus filhos e filhas estão sentindo. Nikki recomendou que, para tratar um torniquete capilar simples, você pode passar um creme depilatório e retirar o fio do local inflamado. Contudo, para casos em que a situação se tornou um machucado, é necessário encaminhar a criança diretamente para o pronto-socorro.

“Eu vi um post semelhante sobre isso alguns anos atrás e é a primeira coisa que procuro quando meus bebês estão inquietos e não consigo encontrar uma razão clara do porquê!”, comentou um pai na publicação, seguido ainda de, “Isso é uma coisa que eu sou tão consciente como mãe! Minha mãe tinha cabelos bastante compridos, ela dormiu comigo quando bebê. Meu pai acordou uma noite com choros abafados de bebê e gritos de minha mãe”.

Síndrome do torniquete de cabelo

Um fio de cabelo pode trazer mais perigos à saúde do seu bebê do que você imagina. Quando ele se prende e se enrola a alguma parte do corpo da criança, especialmente nos dedos dos pés, pode causar a “síndrome do torniquete de cabelo”. O problema acontece porque o fio acaba impedindo a circulação de sangue no local.

Caso não seja percebido logo pelos pais, o membro pode até ser amputado, por isso, é preciso estar atento. Uma dica valiosa é verificar os pés e as mãos do bebê sempre que ele estiver usando meias, luvas, calças e macacões, pois pode haver algum fio de cabelo preso ou uma linha na peça. Preste atenção aos sinais de dor que seu filho dá, como um choro aparentemente sem motivo. Se você notar uma extremidade inchada, que está ficando roxa, cheque imediatamente se não há nada enrolado ao corpo do bebê.