Mãe faz alerta após escola deixar desconhecido levar filha embora: “Máscaras causaram confusão”

Jessie Harris Bouton, mãe de uma menina de 3 anos, resolveu fazer um alerta após o incidente, que felizmente terminou de uma maneira tranquila

Resumo da Notícia

  • Uma mãe fez um alerta importante sobre segurança de crianças nas saídas de escolas em tempos de uso de máscara
  • Um desconhecido não reconheceu a criança e a levou por engano embora da escola
  • Ela fez um desabafo nas redes sociais

Quando o assunto é buscar crianças em lugares com grande circulação de pessoas, todo cuidado é pouco. Jessie Harris Bouton, mãe de uma menina de 3 anos, resolveu fazer um alerta após sua filha ir embora da escola onde ela estuda com uma pessoa completamente desconhecida e que alegava ser avô da menina.

-Publicidade-

Em um post no Instagram, Jessie desabafou sobre o que aconteceu com a menina. “Foi estranho, eu não tinha pedido para ninguém buscar minha filha. Quando pressionei a professora, a funcionária confessou que Lola estava relutante em ir embora, mas presumiu que estava desapontada pela mãe não ter ido buscá-la”.

A situação ficou ainda mais estranha após Jessie retornar para casa e não encontrar a filha lá. “Tive uma sensação esquisita, cheguei em casa e minha filha não estava com meu sogro, nem com nenhum outro membro da família”. Foi quando ela retornou imediatamente ao colégio e pediu, desesperada, pelos vídeos das câmeras de segurança do local.

Mãe faz alerta após escola deixar desconhecido levar filha embora (Foto: Reprodução Instagram @jessieharrisbouton)

Pouco tempo depois, Jessie encontrou, aliviada, a filha. A menina havia sido devolvida no colégio e tudo não passou de um desentendimento: um avô, que busca a neta com frequência na escola, levou a criança por engano no lugar da familiar. Ao perceber o erro, retornou ao colégio.

“As máscaras causaram confusão. É uma loucura que a escola não tenha uma regra para garantir que um erro como esse não aconteça”, desabafou. “Ensine seus filhos que não há problema em pedir para ver o rosto dos adultos, se eles não tiverem certeza de que é alguém que conhecem e explique que os mais velhos podem cometer erros. Eles precisam saber falar e usar a voz se acharem que algo não está certo”. Para ver o post de Jessie, clique aqui.