Mãe sofre reação ao remédio para ouvido e fica com a pele toda queimada: “Me senti um monstro”

A americana Rachel Carey chegou a ir ao pronto-socorro três vezes antes de ser internada na ala de queimados pela reação severa e faz relato como forma de alerta às outras famílias

Resumo da Notícia

  • Rachel Carey é mãe de uma menina e sofreu uma reação alérgica severa ao antibiótico para dor de ouvido
  • Depois de procurar atendimento médico três vezes em pronto-socorro e ser encaminhada de volta pra casa, ela finalmente foi internada e se recupera
  • Ela resolveu falar sobre o caso como forma de alerta às outras famílias sobre a síndrome rara

Uma mãe americana de 38 anos contou como uma simples infecção de ouvido a levou a ficar com a pele toda queimada e irreconhecível. Rachel Carey, de Dallas, nos Estados Unidos, teve severa reação aos antibióticos prescritos para a dor de ouvido e ficou com a pele como se tivesse sido ‘mordida por milhares de formigas’.

-Publicidade-
Rachel antes de sofrer a reação e ficar com a pele queimada (Foto: Reprodução /DailyMail / Caters News)

Segundo o portal Dailymail, ela recebeu a prescrição de um remédio comum e muitas vezes recomendado para tratar infecções bacterianas – ela, inclusive já tinha administrado esse medicamento para outra infecção no fim do ano passado, em novembro de 2019.

Os primeiros sinais de reação começaram horas depois da primeira dose com coceiras, e no dia seguinte ela já tinha algumas bolhas, e lábios inchados (Foto: Reprodução /DailyMail / Caters News)

A reação

Horas após a primeira dose, ela começou a se sentir mal e no dia seguinte, percebeu que sua pele na região da nuca começou a encher de bolhas, como se tivesse ‘borbulhando’ mesmo, e os lábios ficaram inchados. “Pouco tempo depois comecei a sentir coceira e percebi que a minha pele estava borbulhando!”, ela conta. Rachel, que é mãe de uma menina, chegou a procurar atendimento médico, mas foi mandada de volta para casa três vezes nos três dias seguintes.

-Publicidade-

Depois de três dias tomando o remédio, veio a “surpresa” da reação: a pele dela tinha empolado de maneira tão severa, que ela teve que ser internada e foi direcionada para a ala de queimaduras do hospital. Segundo a reportagem, ela recebeu o diagnóstico de um distúrbio raro chamado Síndrome de Stevens-Johnson, que causa a morte da camada superior da pele e geralmente é causada por reações a medicamentos.

Ela só foi internada após procurar atendimento médico três vezes e foi imediatamente internada na ala de queimados (Foto: Reprodução /DailyMail / Caters News)

“Eu já tinha tomado esses medicamentos antes, mas, por algum motivo, desta vez meu corpo os rejeitou. Fui três vezes atrás de atendimento, até que me internaram na quarta vez e fui para a ala de queimados”. Ela conta também que teve medo de nunca mais poder voltar ao trabalho.

Coberta da cabeça aos pés (literalmente, incluindo costas, rosto, lábios, o corpo todo!) com bolhas e mais bolhas de queimadura, Rachel ficou internada na ala especial por 12 dias e surpreendeu aos médicos com a forma que sua pele se recuperou. “Foi muito doloroso. Parece que você está queimando de dentro pra fora. Parecia que eu tinha sido picada por várias formigas vermelhas”, contou.

As bolhas de queimadura tomaram conta de todo corpo da mãe (Foto: Reprodução /DailyMail / Caters News)

A esperança é que em apenas um ano ela esteja com a pele completamente recuperada se seguir neste ritmo bom de melhora. “Foi traumatizante e intenso ver meu rosto e minha pele tão diferentes. Eu nem me reconheci quando me olhei no espelho… Me senti um monstro”, ela desabafa.

Conscientização da doença rara

Quase completamente recuperada, Rachel agora trabalha para trazer consciência sobre a Síndrome de Stevens-Johnson, principalmente na área médica, já que ela foi mandada para casa três vezes até os sintomas piorarem de vez. “Eu gostaria que os médicos soubessem mais sobre isso. Não deveria ter me custado quatro viagens ao pronto-socorro sendo que as reações estavam acontecendo no meu corpo”, ela desabafa.

Ela compartilha a história dela como forma de alerta às famílias (Foto: Reprodução /DailyMail / Caters News)

“É preciso haver educação e conscientização sobre essa condição e avisos nos rótulos dos medicamentos explicando que a SJS (Síndrome de Stevens-Johnson) é um efeito colateral grave”, acredita. Apesar de estar bem melhor, Rachel ainda sofre de olhos secos e descoloração na pele.

Essa é a primeira vez que ela fala sobre o caso, e a ideia de se expor assim é justamente para servir de alerta às outras famílias. “Foi um período horrível, mas minha fé ajudou a passar por essa experiência. Tentei manter meu ânimo orando e com o incentivo da minha família e amigos. Passei por muitas coisas na vida e sabia que poderia passar por mais essa também”, desabafa. Ainda com algumas cicatrizes, ela já superou boa parte da doença e logo estará completamente bem. “Estou muito mais forte depois de ter passado por isso, como se pudesse conquistar qualquer coisa!”, finaliza.

Rachel sofreu reação alérgica que deixou a pele toda queimada (Foto: Reprodução /DailyMail / Caters News)

App Pais&Filhos

Tem novidade na área: o novo aplicativo Pais&Filhos Interativo! Agora você pode ler conteúdos exclusivos, feitos com muito carinho pela equipe da redação da Pais&Filhos com toda a credibilidade, comprometimento e bom humor de sempre, e ainda testar seus conhecimentos sobre os principais assuntos do universo da parentalidade.

Já que ninguém cria filho sozinho, a Pais&Filhos se enxerga como parte da sua rede de apoio e para isso, disponibilizamos no aplicativo informações de qualidade sobre todas as fases da vida da criança, seja você pai ou mãe, grávida, ou até mesmo se você ainda for tentante.

Além disso, a plataforma ainda oferece quizz de perguntas e respostas para você testar seus conhecimentos sobre os mais diversos assuntos deste universo. Ao fazer o teste, você acumula pontos, e de quebra pode trocar por prêmios.

O Pais&Filhos interativo está disponível para iOS e Android, basta acessar a PlayStore ou a Apple Store direto do seu celular, baixar e fazer seu cadastro.

-Publicidade-