Engravidar

18 coisas que todos os casais deveriam fazer antes de engravidar

Se vocês estão pensando em ter um bebê, aqui está o que precisam saber antes de aumentar a família

A REDAÇÃO PAIS&FILHOS

1. Abandonar a pílula

Pare o controle de natalidade alguns meses antes de realmente começar a tentar engravidar, recomenda Robert A. Greene, médico e coautor de Perfeito Equilíbro Emocional para a Fertilidade, em tradução livre. Isso te dará tempo para saber o tempo exato do seu ciclo menstrual natural e ajudará a descobrir quando você está ovulando e o seu período de maior fertilidade. Se você já está tomando a pílula anticoncepcional há um tempo, seu ciclo atual pode ser diferente do que era quando você começou a tomar. Pode levar um tempo até que os hormônios voltem ao normal. Mas se depois de três meses o seu ciclo não estiver regular, procure um médico.

2. Não exagerar nas festas

Fumar e beber durante a gravidez? Nem pensar! “Se você é adepta destes hábitos, comece a tentar parar”, diz a Dra. Jennifer Wider, autora de O Novo Guia de Sobrevivência das Mães, em tradução livre, e conselheira da Sociedade para Pesquisa da Saúde da Mulher. “Se você bebe moderadamente, você provavelmente não precisa mudar nada, desde que você tenha certeza de que não está grávida ainda”, afirma a médica.

Isso também vale para o parceiro. O excesso de álcool interfere na fertilidade e pode prejudicar a produção de esperma nos homens. Fumar, mesmo socialmente, pode afetar tanto a qualidade dos óvulos quanto dos espermatozoides, para não mencionar o aumento no risco de defeitos de nascimento, aborto espontâneo, parto prematuro e outras condições. É estimado que 13% dos problemas de fertilidade são causados pelo tabaco, de acordo com a Sociedade Americana de Medicina Reprodutiva, e não há níveis seguros de consumo do cigarro.

3. Reduzir a cafeína

Se você não consegue passar um dia de trabalho sem tomar várias xícaras de café é melhor repensar sua ingestão diária de cafeína. Alguns estudos mostraram que o excesso de cafeína na gravidez aumenta a chance de aborto espontâneo.

4. Subir na balança

Se você está alguns quilos acima do peso, pode ser a hora de começar a eliminá-los. Mulheres com sobrepeso que perdem alguns quilos têm mais chances de engravidar, além de ter uma gravidez mais saudável e diminuir o risco de complicações. É recomendável inserir exercícios físicos na sua rotina agora, pois isso pode ajudar até a voltar ao peso depois de ter o bebê. Por outro lado, se você está abaixo do peso, cheque com seu médico se você precisa ganhar alguns quilos. O Índice de Massa Corporal (IMC) da mulher que deseja engravidar deve estar entre 19 e 24.

5.  Ir ao cinema

Assista quantos filmes na telona você conseguir. Depois de engravidar, sentar por algumas horas na mesma posição pode ser desconfortável, somando ainda o fato de ter que urinar frequentemente. Se você já tem tendência de adormecer enquanto assiste televisão, vai ser ainda mais difícil ficar acordada durante a gravidez.

6. Fazer uma poupança

Você sabe que terá gastos desde fraldas até a faculdade. “Mas até a gravidez em si pode sair mais caro do que você imaginava”, diz Katina Jones, autora de The Everything Get Ready for Baby Book. Consultas médicas e roupas novas são alguns dos gastos… Mesmo que você gaste um pouco por vez, é bom ter uma garantia antes de engravidar.

7. Ficar de olho nos suplementos

“Toda mulher que pense em engravidar no período de três a seis meses deveria fazer suplementação diária de ácido fólico”, afirma o Dr. Wider. Isso evita malformações no  tubo neural do bebê.

8. Dormir bastante

A maioria das pessoas acha que as noites mal dormidas vêm com o bebê, mas pode ser difícil ter noites revigorantes de sono durante a gravidez: azia, levantar várias vezes para fazer xixi e encontrar uma posição confortável podem atrapalha