Bebês

Não é mimo coisa nenhuma, colo é uma necessidade e não tem limite

Essa prática tem muito mais benefícios para o bebê do que a gente imaginava

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: iStock)

(Foto: iStock)

Sabe aquele parente que sempre fala que você mima demais o seu filho só porque dá muito colo? Já pode responder com bons argumentos porque tá comprovado: NUNCA é demais segurar o seu bebê.

E não é só isso não, o estudo ainda mostra que é crucial que você toque e abrace o seu filho porque isso ajuda no desenvolvimento do cérebro dele. Na pesquisa realizada no Hospital das Crianças NationWide, em Ohio, foram observados 125 bebês, sendo alguns prematuros, para ver como cada um respondia ao toque.

E pasme: os prematuros respondem menos ao toque do que os bebês nascidos com nove meses. Mas não é desculpa para segurar menos não, muito pelo contrário! Os bebês prematuros que receberam mais colo respondem melhor do que os que não receberam tanto calor humano assim, ou seja, desenvolvem um cérebro mais forte. Conclusão: se é prematuro, tem que segurar ainda mais!

A Dr. Nathalie Maitre, líder da pesquisa, conta mais, se os pais não podem segurar os bebês, o hospital tem que considerar a contratação de uma profissão tão importante quanto gostosa, a de um fisioterapeuta para nada mais, nada menos do que dar colo. Queria!!!

São 15 milhões de prematuros por ano no mundo todo e muitas delas passam um tempão na UTI, que é um ambiente, vamos combinar, não muito agradável e confortável. Imagina só a diferença e o o benefício que todas elas teriam se recebem colo quentinho todos os dias?

O próximo passo da Nathalie é desenvolver um plano para que todas as crianças prematuras na UTI ganhem muuito colo.

Leia também:

“Mãe, pai, quero colo!” Devemos sempre atender a esse pedido?

Dar colo pode afetar positivamente o DNA do seu bebê, diz pesquisa

Mãe segura filho prematuro no colo pela primeira vez e emociona todo mundo

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não