A pandemia trouxe reflexões importantes sobre as nossas reais prioridades

Esses últimos anos nos fizeram refletir sobre vários aspectos que ficarão para além deste período

Não dá pra falar sobre aprendizados na pandemia sem mencionar a palavra gratidão, pois eu sou extremamente grata por conseguir colocar comida à mesa, pela minha família e eu estarmos saudáveis, por conseguir trabalhar em tempos pandêmicos, por não ter perdido pessoas próximas para a Covid-19. Grata a Deus por cuidar de mim e de minha família, aos meus familiares e amigos que estiveram por perto ajudando a manter a saúde mental, e a minha equipe que trabalhou incansavelmente pra que continuassem os trabalhos.

Em um período tão conturbado, surgiram aprendizados importantes
Em um período tão conturbado, surgiram aprendizados importantes (Foto: Shutterstock)

Aprendi a valorizar ainda mais a companhia dos meus filhos, de todas as pessoas que convivo, os abraços, a minha casa. Como é bom poder curtir cada canto da casa que lutei tanto pra conseguir. Claro que comecei a reparar a quantidade de reparos que tinha pra fazer e me aventurei com uma reforma que não estava planejada. Também iniciei uma obra pra construir um estúdio, área de lazer, academia e sala de dança.

Porque aprendi que o tempo passa voando e que se a gente puder ter uma estrutura em casa podemos ganhar tempo, dinheiro e lazer sem precisar sair. Aprendi que precisamos ter tempo pra nós mesmos, olhar pra dentro. Comecei a fazer ioga, meditar na pandemia e levarei pra vida toda. Me preocupei mais com a minha alimentação e das crianças pra nos mantermos saudáveis, aumentando a nossa imunidade caso precisássemos enfrentar a Covid, e pra evitar ir ao hospital. Fiz mais uso de óleos essenciais, uma hortinha em casa…

Eu tenho certeza que todos os pais valorizaram ainda mais os professores e as escolas, e as funcionárias dos nossos lares, já que precisamos ficar um tempo sem elas. Criança em casa requer mais criatividade, mais paciência, mais diálogo e isso, no final, só nos faz crescer como seres humanos. Passei a ler mais e isso ajudou a diminuir minha ansiedade. Hoje valorizo mais o tempo ocioso também. Estava tão acostumada a só correr, trabalhar, viajar e agora que está  praticamente de volta ao ritmo normal, eu tenho feito questão de simplesmente parar e fazer nada.

Isso renova minhas energias, me faz analisar melhor tudo o que acontece à minha volta. E principalmente me faz ter tempo de qualidade com meus filhos. Que a gente sempre possa ter resiliência em nossas vidas e que esses aprendizados nos fortaleçam e que nunca mais nos esqueçamos quais são nossas prioridades. Sempre pronta para os próximos desafios, mas espero que seja sem Covid!