Criança

7 coisas que podem acontecer quando seu filho vai do berço para a cama

A rotina dele muda e a sua também

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: iStock)

(Foto: iStock)

Seu filho pode ter o costume de sair constantemente do berço durante a noite, seja porque começou a usar o penico sozinho ou porque chegou um irmão na casa, uma hora, ele terá que passar para uma cama definitiva. Há muitas coisas que você pode esperar que aconteça. Aqui estão 7 delas, de acordo com o Babyology.

1. Animação e choro. Seu filho vai ficar superanimado em dar mais um passo para a vida adulta e se mudar para uma cama de gente grande. Afinal de contas, uma cama maior significa mais bichos de pelúcia para acompanhar durante a noite, um travesseiro maior e edredons e lençóis novos. Mas pode começar a chorar quando perceber essa grande mudança porque o tamanho, a altura, a proteção, tudo é diferente. Pode acontecer o mesmo com você, porque o seu bebê está crescendo!

2. Brincar de subir e descer da cama. Quando seu filho perceber que ele pode sair e voltar para a cama sempre que desejar, isso significa que ele realmente fará isso. A criança pode começar a aparecer depois do horário de dormir só porque ele consegue. Então espere por essa brincadeira incansável por um tempo.

3. Hora da história com conforto. Não é mais necessário aquele carinho fora do berço, agora você pode se aconchegar do lado dele com o livro e bater um papo antes de dormir.

4. Sonâmbulo. Mesmo que eles não queiram sair da cama, podem acabar fazendo sem consciência disso, principalmente se já estão acostumados a ir ao banheiro sozinhos. Se seu filho começar a andar pela casa enquanto dorme, você precisa se preocupar com a segurança dele. Coloque uma barreira na escada, se tiver, e tire coisas perigosas do meio do caminho.

5. Cair da cama. Isso é um fato! Ele vai cair algumas vezes, porque não está acostumado a dormir sem as barras do berço. Você pode optar por barras temporárias.

6. Novos medos. Uma cama grande pode ser assustadora para crianças, especialmente porque ainda são pequenos. Seu filho pode se sentir inseguro e vulnerável. Também podem surgir medos como do escuro ou da porta fechada. Então prepare-se para ser chamado algumas vezes durante a noite até ele se sentir confiante e independente.

7. Muitos sustos (seus).  Imagina a cena: você está dormindo, é meio da noite e, do nada, surge alguém do lado da sua cama. Pode demorar um pouco até você acordar de fato e perceber que a pessoa é seu filho. Tente não se assustar muito e lembre-se de fechar a porta caso ele não possa entrar no quarto depois da meia-noite.

Leia também: 

Veja como fazer a transição do berço para a cama sem segredo

3 dicas para colocar o bebê para dormir da forma certa no berço 

Crianças de até 1 ano devem dormir no quarto dos pais, diz estudo

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não