Ator francês Alain Delon pede ajuda ao filho para realizar uma eutanásia aos 86 anos

Anthony Delon contou à revista francesa Le Point que o pai, Alain Delon, decidiu encerrar a própria vida com uma eutanásia. O procedimento é legalizado na Suíça, onde ele vive

Resumo da Notícia

  • Alain Delon decidiu encerrar a própria vida aos 86 anos
  • A informação foi revelada pelo filho do ator francês, Anthony Delon
  • Alain vive na Suíça, onde o procedimento é legalizado

Após completar 86 anos, o ator francês Alain Delon informou o filho, o também ator Anthony Delon, que deseja passar por um processo de eutanásia. A informação foi revelada em uma entrevista à revista francesa Le Point.

-Publicidade-

A eutanásia é um procedimento que também pode ser chamado de suicídio assistido e é feito de maneira legalizada na Suíça, onde Alain vive. A vontade do ator não é novidade: em entrevistas recentes, ele contou que voluntariamente optaria pelo procedimento se fosse necessário.

“Sou a favor [da eutanásia]. Primeiro porque moro na Suíça, onde a eutanásia é legal, e também porque acho que é a coisa mais lógica e natural a se fazer. A partir de uma certa idade, de um certo momento, a pessoa tem o direito de sair tranquilamente, sem passar por hospitais, injeções e o resto…”, ele contou durante uma entrevista a um canal de TV local.

Ator francês Alain Delon pede ajuda ao filho para realizar uma eutanásia aos 86 anos
Ator francês Alain Delon pede ajuda ao filho para realizar uma eutanásia aos 86 anos (Foto: Reprodução Instagram @official.alaindelon)

Alain sofreu um duplo AVC em 2019 que deixou algumas sequelas. Desde então, ele vem se recuperando bem, ainda que precise do auxílio de uma bengala para caminhar. “Envelhecer é uma m****!”, ele reclamou pouco tempo antes do acidente. “Você não pode fazer nada sobre isso. Você perde o rosto, perde a visão. Você levanta e, caramba, seu tornozelo dói”.

A esposa do ator, Nathalie Delon, faleceu aos 79 anos em janeiro de 2021 após perder uma luta contra um câncer no pâncreas. Assim como Alain, ela também desejava passar por uma eutanásia se fosse preciso.