Cachorra com paralisia ganha cadeira de rodas e se diverte ao correr pela primeira vez

Pigeon sofreu um acidente que fez as patas traseiras ficarem paralisadas, ela foi abandonada e depois adotada por uma proprietária de um negócio de pets, e não só ganhou amor, como um acessório que mudou sua vida

Resumo da Notícia

  • Uma cachorra com paralisia ganhou além de amor um acessório incrível
  • Pigeon sofreu um acidente de carro e como se não bastasse foi abandonada logo em seguida
  • Erica adotou a cachorra e deu uma cadeira de rodas para ajudar ela a se locomover

Uma cadela chamada Pigeon sofreu um acidente de carro que fez as patas traseiras ficarem paralisadas, como se isso não bastasse o antigo dono a abandonou. Porém o destino dela mudou completamente após Erica, proprietária de um negócio de pets, adotar a cachorra e além de amor dar a ela um acessório que mudou sua vida.

-Publicidade-

Depois de ver uma foto da cachorra, a mulher sentiu que tinha de adotar ela, e assim o fez. Agora, graças aos esforços de sua nova tutora, Pigeon ganhou não apenas um lar amoroso, mas também um acessório que trouxe mais qualidade de vida para ela: uma cadeira de rodas adaptada para pets, que a ajuda a correr e brincar sem precisar arrastar as patinhas traseiras.

“Ela se parece muito com meu cachorro que tinha acabado de morrer, e eu soube instantaneamente que tínhamos de ficar juntas”, disse Erica, a tutora de Pigeon, ao Good Morning America. “Ela é tão ágil que, às vezes, a gente se esquece que ela tem essa paralisia nas patas.”

A cachorra consegue correr e se locomover melhor com a cadeira de rodas
A cachorra consegue correr e se locomover melhor com a cadeira de rodas (Foto: Reprodução/Instagram @pigeonpup)

Erica contou que realmente ama os animais, então sabia que poderia dar uma vida melhor a Pigeon e prover a cachorrinha de tudo o que fosse necessário. Porém, quando levou a cadelinha para casa, notou que ela era bastante agitada. “Eu me lembro de pensar: ‘Uau, essa cachorra tem a maior energia que eu já vi”, disse a tutora.

Desde o começo, Pigeon saltava pela casa usando as duas patas traseiras, sem precisar de nenhuma ajuda. “Ela conseguia se deslocar muito rápido, até mais rápido que os outros cachorros, apesar da paralisia”, contou Erica. Mas a tutora achava que a cadeira de rodas poderia facilitar a vida de Pigeon e permitir que ela corresse de verdade.

Assim que ganhou o acessório, a cachorrinha começou a correr loucamente, sem conseguir conter a alegria. Um vídeo postado por Erica viralizou rapidamente e, hoje, a conta especial com as aventuras de Pigeon no Instagram já tem mais de 89 mil seguidores. Para a dona, Pigeon tem a personalidade de uma guerreira. “E é o ser que mais me inspirou até hoje”, afirmou.