Idosa de 80 anos salta de paraquedas com a filha após vencer a Covid-19

A Marina Tikhomiroff, moradora de São Paulo, ficou cerca de 33 dias internada após se contaminar pela Covid-19. Em comemoração de sua recuperação, decidiu saltar de paraquedas ao lado da filha

Resumo da Notícia

  • A idosa de 80 anos ficou 33 dias internada por complicações em decorrência da Covid-19
  • Para comemorar a sua recuperação, a Marina Tikhomiroff pulou de paraquedas ao lado de sua filha, a Ana Tikhomiroff
  • As duas viajaram de da capital paulista até a cidade de Boituva, interior do estado de São Paulo

A Marina Tikhomiroff, moradora da capital paulista, passou cerca de 33 dias internada em 2021, após se contaminar pela Covid-19. Em comemoração de sua vitória contra a doença pandêmica, a idosa de 80 anos decidiu pular de paraquedas na cidade de Boituva, interior de São Paulo. Ela saltou nesta segunda-feira, 11 de abril, ao lado de sua filha de 53 anos de idade.

-Publicidade-

A Marina percorreu cerca de 120 quilômetros para chegar em Boituva, tradicional cidade que realiza os saltos de paraquedas no estado de São Paulo. Em entrevista ao g1, ela contou que estava muito debilitada quando recebeu alta, praticamente sem forças nas pernas. A situação fez com que ela saísse do hospital de cadeira de rodas.

Idosa salta de paraquedas
A Marina passou cerca de 33 dias internada por conta da Covid-19 (Foto: Reprodução/TV Tem)

“Eu entubei duas vezes e fiquei por 33 dias internada. Sai do hospital em uma cadeira de rodas e não conseguia ficar em pé. Não tinha mais músculos e achei que não voltaria a andar”, disse.

Embora as complicações em decorrência da Covid-19, a filha de Marina disse que os médicos autorizaram o salto de paraquedas. Segundo o dono da empresa onde a idosa fez o salto, não existe limite de idade para embarcar na aventura.

Hora do salto

Acompanhada do instrutor Fábio Pombo, a Marina saltou de um avião a 3.600 metros de altura. Ainda em entrevista ao g1, a Marina disse que realizou um grande sonho.

“Gente, que lindo, que lindo! Me senti voando porque eu fui batendo as asas”, disse a idosa.

Mãe e filha saltam de paraquedas
A filha acompanhou a sua mãe em seu grande sonho, o salto de paraquedas (Foto: Reprodução/TV Tem)

Em seguida, a filha de Marina também pulou na aventura e curtiu a experiência de estar ‘solta’ pelos ares. “Estou mundo orgulhosa e não vejo a hora de ver o resultado disto tudo. É um momento meu e dela e não vai ter experiência melhor pra aguardar. Vai ser pra vida toda”, disse Ana Tikhomiroff, filha de Marina.