Jô Soares deu lição de vida ao voltar a trabalhar 2 dias após morte de Rafael, seu único filho

Rafinha, que tinha autismo, faleceu aos 50 anos após perder uma batalha contra um câncer no cérebro. Ao voltar para os estúdios, Jô Soares compartilhou uma história emocionante sobre o filho que o fez tomar a decisão de ir trabalhar

Resumo da Notícia

  • Jô Soares faleceu durante a madrugada desta sexta-feira
  • Em 2014, o apresentador e humorista passou por um momento muito delicado após perder o único filho
  • Dois dias após a morte do filho, Jô estava de volta ao trabalho como forma de homenagear Rafinha

O apresentador e humorista Jô Soares, que faleceu durante a madrugada desta sexta-feira (05), sempre foi admirado por sua trajetória e por sua força. Em 2014, Jô passou por um momento difícil após perder Rafael, seu único filho, para um câncer no cérebro aos 50 anos. Dois dias após o falecimento, o jornalista voltou ao trabalho e, durante o programa, explicou o motivo de estar na bancada.

-Publicidade-

“Eu queria contar uma história que dá uma ideia das coisas que eu aprendi com o Rafinha. Uma vez, em uma livraria, ele chegou junto ao caixa carregando uma dúzia de livros. Eu estranhei, falei para ele ‘Rafa, isso aí é muito. 12 [livros], não. Escolhe seis’. E ele falou: ‘Então não quero nenhum’. Pensei que era malcriação e perguntei: ‘Como não quer nenhum?’. ‘Eu prefiro não escolher, porque escolher é perder sempre’. Hoje eu também não preciso escolher. Como ele nunca faltou ao seu trabalho, também não posso faltar ao meu'”, contou em um de seus programas.

Jô Soares e o filho que faleceu em 2014
Jô Soares e o filho que faleceu em 2014 (Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal)

“Um beijo do gordo e a vida continua. A vida é o que a gente veio fazer aqui”, contou Jô ao finalizar o programa que gravou dois dias após perder o filho Rafael para um câncer no cérebro. Segundo o jornalista e apresentador, Rafinha era autista. Como homenagem, ele abriu o programa falando sobre o filho: “Passou a vida inteira na realidade do próprio mundo. Corpo de adulto, coração e alma de criança. Adorava música, tocava piano, mas sua grande paixão era o rádio. O Derico, em uma prova singela de amizade, até chegou a gravar as vinhetas. E ele não tirava a rádio do ar nunca, até mesmo no seu aniversário, nem na hora de apagar a velinha. Vivia com entusiasmo e até com paixão. Tenho muito orgulho do meu filho”.

Morre Jô Soares aos 84 anos

Na madrugada desta sexta-feira, 5 de agosto, faleceu o humorista e apresentador Jô Soares, aos 84 anos, em São Paulo. A notícia foi confirmada pela ex-esposa dele, Flávia Pedras, por meio de uma publicação nas redes sociais. A causa da morte ainda não foi divulgada.

No Instagram, ela escreveu: “Faleceu há alguns minutos o ator, humorista, diretor e escritor Jô Soares. Nos deixou no hospital Sírio Libanês, em São Paulo, cercado de amor e cuidados. O funeral será apenas para família e amigos próximos. Assim, aqueles que através dos seus mais de 60 anos de carreira tenham se divertido com seus personagens, repetido seus bordões, sorrido com a inteligência afiada desse vocacionado comediante, celebrem, façam um brinde à sua vida. A vida de um cara apaixonado pelo país aonde nasceu e escolheu viver, para tentar transformar, através do riso, num lugar melhor”.

E finalizou: “Viva você meu Bitiko, Bolota, Miudeza, Bichinho, Porcaria, Gorducho. Você é orgulho pra todo mundo que compartilhou de alguma forma a vida com você. Agradeço aos senhores Tempo e Espaço, por terem me dado a sorte de deixar nossas vidas se cruzarem. Obrigada pelas risadas de dar asma, por nossas casas do meu jeito, pelas viagens aos lugares mais chiques e mais mequetrefes, pela quantidade de filmes, que você achava uma sorte eu não lembrar pra ver de novo, e pela quantidade indecente de sorvete que a gente tomou assistindo. Obrigada para sempre, pelas alegrias e também pelos sofrimentos que nos causamos. Até esses nos fizeram mais e melhores. Amor eterno, sua, Bitika”.

Vote na Pais&Filhos para o Troféu Mulher Imprensa!

Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos, está concorrendo ao prêmio da categoria Pertencimento e Inovação da 16ª edição do Troféu Mulher Imprensa! Para votar, é muito simples: CLIQUE AQUI e aperte o botão ao lado da foto da Andressa para que ele fique azul. Em seguida, preencha o campo com seus dados e vá até seu email: será preciso confirmar o seu voto clicando em um link. Depois disso, sucesso! Seu voto já foi contabilizado. Obrigada!

Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos está concorrendo ao Troféu Mulher Imprensa
Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos está concorrendo ao Troféu Mulher Imprensa (Foto: Divulgação/Pais&Filhos)

Assista agora ao POD&tudo com as gêmeas Bia e Branca Feres!