Menina comove policiais ao pedir refrigerante e chinelo em carta de Natal

A adolescente escreveu na carta que a mãe estava desempregada e por isso os policiais quiseram ajudar um pouco mais

Resumo da Notícia

  • Uma menina no sul de Minas Gerais comoveu os policiais militares
  • A menina escreveu uma carta de Natal pedindo um refrigerante e um chinelo
  • Os policiais quiseram ir além e deram mais coisas para a família

Uma menina comoveu o departamento da Polícia Militar de Pouso Alegre, no sul de Minas Gerais, ao escrever uma carta de Natal pedindo um Guaraná e um chinelo. Ela explicou na carta que a mãe estava desempregada e por isso não tinha condições, os policiais resolveram ir além com os pedidos.

-Publicidade-

A carta foi entregue no dia 8, na caixa de correspondência do comandante da 17ª Região de Polícia Militar, Lucas Pinheiro dos Santos Neto. E a equipe dele abraçou a ideia de promover um Natal antecipado para a família. Com pequenas atitudes eles deixaram o Natal da família muito melhor.

Carta escrita pela menina com pedido de Natal
Carta escrita pela menina com pedido de Natal (Foto: Reprodução/Istoé)

Os policiais resolveram antecipar o pedido da menina devido a urgência, e então dois dias depois os policiais militares se uniram e foram até a casa da menina entregar os presentes. Eles doaram os chinelos, o guaraná e alguns outros presentes, como mochila e materiais escolares.

Além disso, os PMs entregaram uma cesta básica para a família, com alimentos e carnes para durar até o Natal. “Não podemos mudar a realidade de todos, mas podemos proporcionar gotas de felicidade ao mundo de quem nos pede atenção”, afirmou Santos Neto.