Mulher se disfarça de homem e mata mãe com facadas em São Paulo

Roberta Araújo mostrava nas redes sociais uma boa relação com a mãe, as duas pareciam ser muito próximas, porém segundo relatos dos vizinhos a filha batia constantemente na mãe

Resumo da Notícia

  • Uma mulher se disfarçou de homem para matar a mãe a facadas na rua
  • O caso aconteceu em São Paulo
  • A filha sempre mostrava nas redes sociais uma boa relação com a mãe, mas não era o caso

Uma mulher de 42 anos matou a própria mãe a facadas em São Paulo. O caso aconteceu na última segunda-feira, e Roberta Araújo mostrava nas redes sociais uma boa relação com a mãe, Dona Zélia, de 68 anos, mas essa não era a realidade, a mulher se disfarçou de homem, matou a mãe a facadas e depois saiu andando normalmente.

-Publicidade-

Um vizinho que presenciou a cena seguiu a mulher de moto, e chamou a polícia. Ao chegarem no local Roberta disse que o vizinho estava tentando estuprar ela, a polícia então levou a mulher para a delegacia. A idosa chegou a ser levada ao hospital, mas não sobreviveu.

A mulher matou a própria mãe a facadas
A mulher matou a própria mãe a facadas (Foto: Reprodução/R7)

Segundo um vizinho que relatou a Record TV, Dona Zélia dizia que a filha batia nela constantemente, ele então sugeriu que a mulher saísse de casa. A polícia entrou na casa da família, e mostrou que a filha, por ser advogada, mantinha diversos livros didáticos lá.

Outra vizinha contou que a mulher levava muita sujeira e lixo para a casa da mãe, e isso causava ‘brigas terríveis’ entre as duas. Ao chegar na delegacia Roberta ficou confusa e negou ter matado a mãe, nos próximos dias ela irá passar por uma audiência e será transferida para um presídio.

A mulher se disfarçou de homem para matar a mãe de 68 anos
A mulher se disfarçou de homem para matar a mãe de 68 anos (Foto: Reprodução/R7)